300 médicos reúnem-se na Madeira nas Jornadas do Interno

As Jornadas do Interno realizam-se no Colégio dos Jesuítas e vão discutir temas como: a pequena cirurgia, as intoxicações, o exame físico músculo-esquelético, e urgências em cardiologia.

As Jornadas do Interno vão reunir este sábado cerca de 300 médicos, vindos de todo o país, na Madeira, num programa, que se iniciou-se na passada sexta-feira, e inclui sete cursos pré congresso e mesas redondas.

As mesas redondas que se estendem até este sábado, no Colégio dos Jesuítas, da Universidade da Madeira, vão discutir temas como: ‘UPDATE em Patologia Respiratória’, ‘O Impacto da Migração na Saúde Pública da Região’, ‘Desafios na Idade Pediátrica’, ‘Epidemias Atuais’, ‘Vacinação no Século XXI – Novos Paradigmas’, ‘Mitos e Modas em Saúde’, ‘Emergência’ e ‘Internato Médico’.

Os cursos pré-congresso abordaram assuntos como a ‘Pequena Cirurgia’, as ‘Intoxicações – Abordagem no Serviço de Urgência’, a ‘Terapêutica Injetável na DM2’, o ‘Exame físico músculo-esquelético’, as ‘Urgências em cardiologia – simulação clínica’ e ‘Gastroenterologia para não gastroenterologistas’.

 

Recomendadas

JPP acredita que Governo “está no bom caminho” seguindo os seus conselhos

O líder parlamentar do JPP, aproveitou a ocasião para questionar sobre documentos solicitados pelo partido, que ainda estão por entregar. Élvio Sousa refere-se a pareceres económicos de transporte marítimo da Universidade Católica e outros relatórios de concessão de serviços públicos de transporte de passageiros entre a Madeira e o Continente, bem como relatórios do Porto do Funchal.

Governo lança selo para comemorar os 20 anos da Floresta Laurissilva

O grupo proprietário do Centro Comercial La Vie, Wider Property, associou-se a estas comemorações, através do seu projeto de sustentabilidade ambiental “Go Green”. Presta uma homenagem à floresta nativa da Madeira, divulgando e promovendo esta iniciativa no seu espaço comercial.

Director de Hemato-Oncologia do SESARAM garante que registos clínicos da unidade estão completos

Na comissão de inquérito à unidade de medicina nuclear, Fernando Aveiro referiu que os registos clínicos já foram auditados e vistoriados.
Comentários