DECO, associação de todos os consumidores, chega à Madeira

Informar, defender e resolver serão o mote da ação da DECO Madeira, contribuir para a diminuição assim para uma melhor política de defesa do consumidor nesta região autónoma.

“Todos somos consumidores”, afirmou John Kennedy a 15 de Março 1962, num discurso que se tornou paradigmático da defesa do consumidor. Homenageando este primeiro reconhecimento público dos nossos direitos, 15 de março foi decretado dia mundial dos direitos do consumidor.

Este ano, comemorando esta efeméride mundial, a DECO concretiza um sonho com mais de 2 décadas. Ao longo destes anos muitos foram os contactos recebidos na Sede da nossa associação de consumidores da Região Autónoma da Madeira que ambicionavam a presença física da DECO neste território.

Informar, defender e resolver serão o mote da ação da DECO Madeira, contribuir para a diminuição da conflitualidade, bem como para uma melhor política de defesa do consumidor nesta região autónoma.

A experiência e o trabalho desenvolvido pela Associação ao longo dos anos nas diferentes áreas do consumo, nomeadamente no transporte aéreo, compra e venda, habitação, proteção financeira e turismo, permitirão diminuir a conflitualidade e tornar os consumidores madeirenses mais informados, esclarecidos, conscientes confiantes e empoderados, capazes de ser um motor de uma economia inovadora e competitiva.

A DECO Madeira conta com o apoio de técnicos especialistas na resolução de conflitos de consumo, no apoio a situações de endividamento excessivo e na formação e educação dos consumidores.

 Queremos estar mais próximos dos consumidores, apoiá-los em todas as suas escolhas e decisões e garantir que não ficam sem resposta aos seus problemas. Junte-se a nós. Seremos mais fortes!

A DECO MADEIRA inaugura hoje – Loja do Munícipe do Caniço; Rua Doutor Francisco Peres; 9125 – 035 Caniço; deco.madeira@deco.pt

Venha conhecer-nos!

Ler mais
Recomendadas

Sara Cerdas reivindica sustentabilidade energética e apela a reforço de sistemas de incentivo às empresas

A candidata socialista ao Parlamento Europeu criticou a redução nos limites máximos de incentivo que se verificou em alguns no empreender e o internacionalizar, e anda por não ter sido aberto num aviso para concursos no Funcionamento 2020 nos últimos dois anos. Sara Cerdas defendeu ainda a necessidade de ter mais projetos auto-sustentáveis em termos energéticos.

Margarida Pocinho defende aposta na produção regional e não tanto na importação

Com o dia do empresário na agenda regional, a candidata centrista focou as atenções na necessidade de a União Europeia reforçar os fundos comunitários para as Regiões Ultraperiféricas.

Madeira reduz desemprego registado em 0,7%

As ofertas de emprego subiram na Madeira enquanto que o desempregados inscritos desceram.
Comentários