Agro3: a revolução digital que faltava na agricultura do século XXI

A empresa de marketing digital, 3WX, criou uma plataforma digital para ajudar no crescimento dos negócios agrícolas.

A agro3 é a plataforma digital, criada pela empresa de marketing digital 3WX, que pretende trabalhar em prol do sucesso dos negócios agrícolas, bem como no seu crescimento de forma sustentável.

Fábio Jesuíno, fundador da empresa, acredita no potencial desta ferramenta digital, que se dirige a “um setor que conhece níveis positivos de evolução, a vários níveis, nos últimos anos”.

Atualmente vivemos num mundo dependente das novas tecnologias e a empresa 3WX pretende levar também essa aposta aos empresários do setor agrícola. “Os negócios desse setor têm de estar preparados para o mundo digital e dele tirar os seus melhores benefícios para obterem grandes resultados”, refere o diretor executivo.

Para o responsável, o objetivo desta plataforma é ajudar os agricultores a entrar no mundo digital de forma profissional e qualitativa, colocando-os em contacto direto com os seus clientes.

“É cada vez mais importante que os agricultores não dependam apenas dos intermediários para vender os seus produtos. É urgente vender diretamente ao consumidor final, reduzindo assim as comissões e obtendo mais lucros para fazer crescer os seus negócios”, sublinha Fábio Jesuíno.

Recomendadas

Estatuto de Jovem Empresário Rural prevê benefícios fiscais

Os jovens que conseguirem ter acesso a este estatuto contarão “com a abertura de concursos e/ou de apoios específicos”, com uma “majoração na atribuição de apoios”, a criação de “dotações financeiras específicas” na área do desenvolvimento territorial, destinadas ao apoio ao investimento.

Unicórnio alemão vai instalar-se em Matosinhos e procura programadores e engenheiros

Depois de chegar ao Porto em 2017, a “rede social do trabalho” Xing, cuja sede é em Hamburgo, vai inaugurar um novo escritório em Matosinhos já no início de fevereiro.

Cuatrecasas apoia Indico Capital Partners na criação do fundo de 46 milhões de euros

A Cuatrecasas, Gonçalves Pereira prestou assessoria jurídica à Indico Capital Partners no lançamento do seu primeiro fundo de investimento em capital risco, com mais de 46 milhões de euros – comprometidos por investidores de oito países diferentes –, para investir em startups tecnológicas.
Comentários