AIP louva decisão do Governo sobre novo aeroporto

A associação presidida por José Eduardo Carvalho relembra 50 anos de discussões sobre este projeto.

A AIP – Associação Industrial Portuguesa defende a intenção de o Governo avançar com o projeto de construção novo aeroporto no Montijo.

“A Associação Industrial Portuguesa congratula-se com a decisão governamental de avançar com o investimento de expansão da capacidade aeroportuária de Lisboa, concretizada nos investimentos no aeroporto Humberto Delgado e na construção do aeroporto complementar do Montijo”, defende um comunicado da associação presidida por José Eduardo Carvalho.

O mesmo documento acrescenta que “após 50 anos de discussões sobre a construção do novo aeroporto e sobre dezenas de hipotéticas localizações, louva-se a capacidade de decisão numa solução exequível a curto prazo e que reúne condições de comportabilidade e sustentabilidade económico-financeira”.

Relacionadas

“Ou cumpre as regras ambientais ou não existirá”, garante Pedro Marques sobre novo aeroporto

A ANA – Aeroportos de Portugal e o Estado assinaram esta tarde o acordo para a expansão da capacidade aeroportuária de Lisboa, que prevê um investimento de 1,15 mil milhões de euros de investimento até 2028.

Novo Aeroporto do Montijo: acordo para investimento de 1,15 mil milhões de euros até 2028

Este valor inclui a extensão da atual estrutura Humberto Delgado (aeroporto de Lisboa) e a transformação da base aérea do Montijo, que recebeu a cerimónia de assinatura, em aeroporto civil, cujo início de funcionamento está previsto para 2022.

“Pagámos caro pela não decisão sobre o novo aeroporto”, lamenta António Costa

Primeiro-ministro recordou que tinha sete anos quando foi anunciada a constituição do gabinete de estudo para o novo aeroporto de Lisboa. Cinquenta anos depois, António Costa considera que o país pagou caro esse adiamento.

“Irresponsável” e “inaceitável”. Ambientalistas arrasam acordo para construção do novo aeroporto

Conjunto de organizações ambientalistas defende que a assinatura do acordo para a construção do novo aeroporto de Lisboa no Montijo, significa “mais um passo para tornar o projeto uma inevitabilidade”.
Recomendadas

Teixeira dos Santos: “Não tenho razões para me arrepender” da escolha de Carlos Santos Ferreira e Armando Vara

O Estado “nunca interferiu em qualquer operação” da Caixa Geral de Depósitos, garantiu ainda o ex-ministro das Finanças, na última comissão parlamentar de inquérito aos atos de gestão e recapitalização do banco público, que se realizou esta quarta-feira.

Apple considera mudar até 30% das operações da China para o Sudeste Asiático

A Índia e o Vietname são as opções cimeiras para a gigante tecnológica. A corretora Wedbush Securities sublinha que levaria pelo menos 2 a 3 anos a transferir 15% da produção de iPhones da China para outras regiões.

TAP concretiza maior operação em Bolsa desde 2012 no valor de 200 milhões de euros

A dona da companhia aérea nacional divulgou esta quarta-feira à tarde os resultados da oferta pública de subscrição das “Obrigações TAP 2019-2023”. O Jornal Económico sabe que a TAP quer captar mais 350 a 400 milhões de euros em futura abertura de capital.
Comentários