Aliança Portuguesa de Blockchain associa-se às pares Israelita e Nórdica

Os acordos assinados entre a associação portuguesa e a Israeli Blockchain Association e a Nordic Blockchain Association estabelecem parcerias de longo prazo para a execução de projetos conjuntos entre as entidades.

Arnd Wiegmann/Reuters

A Aliança Portuguesa de Blockchain anunciou esta quarta-feira a assinatura de dois protocolos com homólogas internacionais. A Israeli Blockchain Association e a Nordic Blockchain Association tornaram-se parceiros internacionais da associação portuguesa, que foi lançada no final de março. Os acordos estabelecem parcerias de longo prazo para a execução de projetos conjuntos entre as entidades.

“A assinatura de dois protocolos com entidades internacionais é importante para a Aliança pelas redes de cooperação e conhecimento que se criam. Com isso, trazemos as experiências evidenciadas noutras realidades para Portugal”, afirmou Rui Serapicos, embaixador da Aliança Portuguesa de Blockchain, em comunicado.

A cooperação poderá incluir desenvolvimento e a execução de projetos de investigação, aceleração e consultoria de programas, eventos e cursos educacionais para startups, empreendedores e empresas de Blockchain, para além da partilha de conhecimento e recursos relativos a Blockchain. Pressupõe ainda o fornecimento de instrumentos, aconselhamento e recursos para ajudar as startups a comercializarem ideias e soluções.

“Israel é um dos países mais avançados tecnologicamente e são notórios os vários casos de empresas de tecnologia que são adquiridas por gigantes mundiais. Do mesmo modo, é reconhecido o avanço tecnológico da região nórdica e é, para nós, um orgulho assinar estes memorandos com as duas organizações”, acrescentou Serapicos.