Altice Portugal apresenta a robot “mais popular do mundo” como nova embaixadora

Nova embaixadora da Altice Portugal junta-se a Cristiano Ronaldo como rosto da marca.

Cristina Bernardo
Ler mais

A Altice Portugal anunciou esta terça-feira que vai passar a utilizar o robô Sophia na sua comunicação publicitária, em interação com o futebolista Cristiano Ronaldo, que continuará a ser a cara da empresa.

Sophia é um robô humanoide criado pela empresa Hanson Roberts, de Hong Kong. Usa inteligência artificial, processamento de informação visual e tecnologia de reconhecimento facial.

Na apresentação desta terça-feira à comunicação social, depois de a mesma informação ter sida dada aos quadros da empresa, o presidente-executivo da Altice Portugal conversou com o robô. Primeiros, algumas palavras em português, depois, na língua nativa, o inglês.

Sophia declarou-se “impressionada” com o trabalho que está a fazer com a Altice nas campanhas em preparação. Já em ingglês, explicou que é “quase tão difícil ser atriz como robô”.

Questionada sobre se contracenar com o melhor jogador de futebol do mundo era factor de nervosismo, respondeu com um não peremptório. “Ele é que estava nevoso. Afinal, sou a robô mais bonita do mundo”, disse, terminando com um “Si” arrastado, como fez Cristiano Ronadl quando recebeu a bola de ouro, há duas épocas, e com uma gargalhada.

Inspirada na atriz Audrey Hepburn, Sophia é capaz de usar 62 diferentes expressões faciais e de manter conversações simples sobre tópicos pre-definidos. Foi ativada a 19 de abril de 2015.

 

 

Para a Altice, esta nova campanha “visa sensibilizar os consumidores para a capacidade de a tecnologia do MEO melhorar a vida das pessoas destacando as valências humanas em contra ponto com temas atuais, como os robots e a inteligência artificial poderem vir a substituir o homem nas suas mais variadas tarefas”.

“A marca Meo assume uma nova atitude, mais personalizada e envolvente, materializando a força de transformar a forma de comunicar através da tecnologia traduzida na nova assinatura Meo humaniza-te“, esclarece a Altice.

Além da nova assinatura, “humaniza-te”, João Epifânio, administrador da Altice Portugal, explicou que a a marca Meo contará com uma nova estrutura gráfica.

Relacionadas

Altice investiu 1,2 mil milhões de euros em Portugal desde 2015

Entre os projetos desenvolvidos, o presidente-executivo da operadora de telecomunicações apontou o investimento feito no maciço central da Serra da Estrela e no data center da Covilhã.

Marca PT deixa o cimo da sede da empresa que agora é Altice. 24 anos depois

Ler mais A marca Portugal Telecom e o logotipo da PT desapareceram do cimo da sede da empresa, em Picoas, Lisboa, e vão ser substituídos pela marca da empresa francesa que controla a operadora de telecomunicações portuguesa desde junho de 2015. O processo marca o fim de uma história de quase 24 anos, que passará […]

Altice avança com infraestruturação de fibra ótica no Maciço Central da Serra da Estrela

Este projeto, considerado inédito no nosso país, pretende ligar seis concelhos da região, designadamente, Seia, Manteigas, Fundão, Covilhã, Gouveia e Oliveira do Hospital, garantindo o acesso destas populações a tecnologia de última geração.
Recomendadas

Turismo do Algarve opõe-se a taxa turística aprovada por municípios

O presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), João Fernandes, contestou hoje a aplicação de uma taxa turística na região, cuja introdução foi decidida pela Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL) e anunciada ontem.

União Europeia aumenta pressão sobre a Suíça para concluir um novo acordo

“As negociações não podem tornar-se uma história sem fim”, referiu o comissário europeu Johannes Hahn, que ameaça interromper o comércio transfronteiriço de ações até ao final do ano, se não houver acordo.

Não acordo no Brexit terá um impacto “relativamente pequeno” no mercado de trabalho alemão

Cerca de 41.000 britânicos estavam empregados na Alemanha em dezembro de 2017, um número que é “insignificante para o mercado de trabalho em geral”, revelou o governo de Angela Merkel ao “Der Spiegel”, em resposta ao partido de extrema-esquerda.
Comentários