Angola: João Lourenço exonera filho de José Eduardo dos Santos

José Filomeno dos Santos liderava a administração do Fundo Soberano de Angola, que gere 5.000 mil milhões de dólares (cerca de 4,1 mil milhões de euros) em ativos do país.

O Presidente de Angola, João Lourenço, decidiu exonerar o conselho de administração do fundo soberano angola e, assim, o último filho do ex-presidente José Eduardo dos Santos que ainda tinha funções ligadas ao Estado.

A informação sobre a exoneração, “por conveniência de serviço”, foi transmitida hoje pela Casa Civil do Presidente da República em nota enviada à agência Lusa, em Luanda, passando o Fundo Soberano de Angola (FSDEA), que gere ativos do Estado angolano no valor de 5.000 milhões de dólares (cerca de 4,1 mil milhões de euros), a ser presidido por Carlos Alberto Lopes, até agora secretário para os Assuntos Sociais do chefe de Estado.

Depois de Isabel dos Santos, que exonerou do cargo de presidente do conselho de administração da petrolífera estatal Sonangol, e de ter ordenado a rescisão do contrato entre a Televisão Pública de Angola (TPA) e a empresa Semba Comunicações, detida por Welwítschia “Tchizé” e José Paulino dos Santos “Coreon Dú” para a gestão do segundo canal, José Filomeno dos Santos é o quarto filho do ex-Presidente angolano José Eduardo dos Santos, a ser afastado do poder por João Lourenço, empossado em setembro último.

Relacionadas

Sonangol: PR angolano nomeia dois antigos primeiros-ministros

O Presidente angolano, João Lourenço, nomeou hoje como administradores não executivos da petrolífera Sonangol dois antigos primeiros-ministros, Lopo do Nascimento e Marcolino Moco, este último forte contestatário do chefe de Estado anterior, José Eduardo do Santos.

Kwanza angolano afunda no primeiro teste ao novo regime cambial

O Banco Nacional de Angola realizou esta terça-feira o primeiro leilão de divisas depois de ter anunciado o abandono do câmbio fixo face ao dólar e ao euro. A medida pode ser positiva para o país, mas também pode resultar numa queda a fundo do valor do kwanza.

Angola. Peso do petróleo nas exportações cai para menos de 75%

A balança comercial angolana registou um saldo positivo de 4.400 milhões de euros no terceiro trimestre de 2017, crescendo face ao trimestre anterior, e com o peso do petróleo a descer para menos de 75% do total das exportações.

Portugal responde a Angola: “Governo não interfere em questões judiciais”

Francisca Van Dunem afirma que o Executivo está a acompanhar o processo Fizz – que envolve o ex-vice-presidente angolano, Manuel Vicente – politicamente e diplomaticamente, mas frisou que o assunto é da responsabilidade dos tribunais.
Recomendadas

PremiumEmília Vieira: “Ricos ficam mais ricos porque preferem ações em vez de imobiliário”

A Casa de Investimentos vai lançar o “Livro do Investimento em Valor”, em parceria com o Jornal Económico. Em entrevista, a CEO Emília Vieira explica esta aposta.

Premium“Não vejo o investimento como risco na execução do Orçamento do Estado”

Mourinho Félix afirma que o Orçamento do Estado para 2019 tem medidas que garantem um crescimento robusto do investimento. E defende que o fim do PEC e do IVA alfandegário vão libertar tesouraria para as empresas investirem mais.

PremiumExportações de vinhos deverão exceder 800 milhões de euros

Vendas de vinho nacional no estrangeiro cresceram 6% até junho, tendo Portugal obtido as maiores taxas de crescimento em diversos mercados.
Comentários