António Costa anuncia programa de reordenamento económico da Serra de Monchique

O primeiro-ministro anunciou que o presidente da Câmara de Monchique vai liderar a elaboração de um programa de reordenamento económico desta serra.

António Cotrim/Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou hoje a elaboração de um “programa de reordenamento económico da Serra de Monchique”, atingida por um incêndio na última semana, e cuja coordenação será da responsabilidade do presidente daquela câmara.

Numa conferência de imprensa após uma reunião com autarcas afetados pelo incêndio que deflagrou na há uma semana e entidades da região do Algarve, António Costa enumerou aquelas que são as prioridades face às consequências deste fogo, as primeiras das quais “o apoio às pessoas que estão desalojadas” e o “apoio à reconstrução das habitações que foram danificadas”.

O primeiro-ministro anunciou que o presidente da Câmara de Monchique vai liderar a elaboração de um programa de reordenamento económico desta serra.

Relacionadas

Vídeo viral mostra como o incêndio de uma semana deixou Monchique

Este vídeo, que mostra a destruição deixada pelo fogo que consumiu esta zona durante uma semana, foi captado a 9 de agosto.

António Costa: “Termos garantido que ninguém tenha morrido é extraordinário”

Primeiro-ministro acompanhado do ministro adjunto Pedro Siza Vieira falou sobre os incêndios que na última semana queimaram milhares de hectares na região de Monchique.

Incêndios: Chamas dominadas mas ainda nao se pode baixar os braços

A segunda comandante operacional da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), Patrícia Gaspar, deu hoje o incêndio que lavra há uma semana em Monchique como dominado, mas sublinhou que ainda não é o momento de cruzar os braços.
Recomendadas

Contribuintes que ganham mais de mil euros continuam a reter IRS a mais, diz a PwC

A atualização das tabelas de retenção para 2019 continua a não refletir integralmente o alargamento dos escalões do IRS de 2018 para a generalidade dos trabalhadores e pensionistas com rendimento a partir de mil euros, segundo os cálculos da PwC.

FMI indica três passos para evitar uma crise de dívida pública

O artigo publicado hoje no IMFBlog, o Fundo Monetário Internacional (FMI) afirma que “a sustentabilidade da dívida de alguns países de alto risco tem sido objeto de muito debate público”, mas, no entanto, “o peso da dívida pública é um problema crescente em todo o mundo”.

Luís Pedro Martins eleito para mandato de 5 anos na Turismo Porto e Norte de Portugal

De acordo com os atuais estatutos da TPNP, o mandato da comissão executiva tem a duração de cinco anos e só pode ser renovado uma vez.
Comentários