Autor
André Barata, Filósofo, Universidade da Beira Interior
Artigos

O escrúpulo

Com que autoridade intelectual e persuasão pode o Estado esperar chegar à sociedade se a sua chefia é a primeira a dar o mau exemplo?

E se preferíssemos ser caracóis a ser andorinhas?

Só através do direito a parar nos devolvemos a possibilidade de ser senhores do tempo em que estamos. E só assim conseguimos ter a liberdade de estar no nosso tempo, mas também de estar nos lugares, nas coisas, até nos pensamentos.

O sucesso da ADSE

O sucesso da ADSE vem afrontar quem gostaria que um modelo totalmente privado, assente em seguros de saúde, se tornasse regra em Portugal.

Ecologia do tempo para um tempo de Frankensteins

Que pedaços de tempo humano estão a ser costurados, como pedaços de corpos, e animados pela corrente da produção e o estímulo da procura, do mercado, da necessidade artificial, que assim que é satisfeita logo se torna obsoleta?

Europa Leviatã ou a chantagem do medo

A vontade de sair não é uma extravagância britânica, mas o que o privilégio britânico pode tornar, como não imaginaríamos, uma razão solidamente fundada. O que queremos que seja a UE?

Liberdade, igualdade, fraternidade… que futuro?

Estarmos sempre em rede é na verdade o que se espera de nós como a conectividade de computadores. E darmos periodicamente sinal de existência na rede é na verdade cumprirmos a nossa função num tecido conectivo vivo.
Ver mais artigos