Autor
António Jaime Martins, Presidente do Conselho Regional de Lisboa da Ordem dos Advogados
Artigos

Assistencialismo: onde andas?

Os advogados não têm assistencialismo na doença e têm que realizar diligências judiciais mesmo que estejam impedidos por doença

Melhoria das condições de acesso à Justiça

Estamos em condições de tornar o bem Justiça acessível à classe média e às pequenas e médias empresas, precisamente aqueles que não reúnem condições para terem proteção jurídica.

Novas Ordens sem ordem

A antiguidade da profissão e da Ordem dos Advogados, não sendo um posto, atribui a serenidade e a perceção nítida das implicações da vivência em democracia.

Previdência dos advogados

A introdução do fator de correção nas contribuições para 2020, tem como objetivo mitigar o efeito do aumento das mesmas em 2020, sem perder de vista a sustentabilidade da Caixa.

Alterações no acesso aos Tribunais

A Ordem dos Advogados foi, nesta proposta de lei, cúmplice com o Estado em dificultar o acesso aos Tribunais dos cidadãos mais desfavorecidos, quer através da redução do universo de beneficiários, quer através do aumento do tempo de espera para tutelar as pretensões através da criação do mecanismo da consulta prévia.

Em defesa dos atos próprios dos Advogados

A Advocacia Preventiva é fundamental para o normal desenrolar da atividade económica e para a dinâmica dos negócios.
Ver mais artigos