Autor
Diogo Horta Osório, Membro do Conselho de Administração do grupo EIP
Artigos

Os milagres AC/DC

Temo que com o fim das moratórias, o excesso de créditos em incumprimento, a banca em grandes dificuldades, a falta de planeamento legislativo e fiscal para apoiar a retoma da economia, empresas e famílias, o descalabro seja ainda maior.

Portugal construído sobre a areia

Mais de 19% do PIB de Portugal advém de actividades turísticas e afins. Portugal deveria assim ter-se preparado para ser o primeiro país da Europa a ser imunizado, oferecendo um destino turístico “covid free”!

O presente de Natal e a fava

A revisão salarial em alguns sectores é a gota de água que fará transbordar a insolvência. E o aumento do salário mínimo na função pública apenas gerará maior necessidade de colecta de impostos.

‘It’s the logistics, stupid!’

Importa desburocratizar e inocular qualquer pessoa, independentemente da sua prioridade, que se apresentasse num local de inoculação, porque os prioritários teriam um plano específico para esse efeito.

Do fundo perdido

O Governo teria de ter investido os milhões que agora, tardiamente, promete apoiar as empresas, embora com dívida, num plano de saúde robusto para aguentar a segunda vaga até Janeiro de 2021, altura em que a vacina permitirá a reabertura da economia.

Planear, planear e planear

Impedir a circulação é impedir o consumo. Impunha-se imediatamente a reposição do lay-off simplificado e a revogação desse aborto jurídico do Apoio à Retoma Progressiva das Empresas.
Ver mais artigos