Autor
Filipe Alves
Diretor
falves@jornaleconomico.pt
Artigos

O estilo de liderança de Rio

Ortega y Gasset dizia que o Homem é o Homem e as suas circunstâncias. No caso de Rio, as circunstâncias não ajudaram a um melhor resultado nestas eleições, de facto, mas o Homem também não, devido à forma como escolheu, de forma livre e consciente, exercer a liderança do PSD.

Geringonça 2.0

Parece estar em cima da mesa uma “geringonça 2.0”, através de entendimentos que envolvam o Bloco de Esquerda, a CDU, o PAN e o Livre. Mas essa geringonça poderá passar por entendimentos pontuais do PS com um ou mais destes partidos, em vez de uma geringonça solene, de “papel passado”.

PremiumCDS fica com presidência da Assembleia e pastas do Ambiente, Economia e Transportes

José Manuel Rodrigues deve assumir presidência da assembleia. Acordo entre PSD e CDS para novo Governo Regional será conhecido no dia 8.

Vêm aí tempos interessantes

As sondagens estão longe de ser uma ciência exata, mas tudo leva a crer que o PS não terá maioria absoluta nas eleições de domingo e que necessitará do apoio dos partidos da Esquerda, sobretudo do Bloco, para poder formar Governo.

As competências delegam-se. As responsabilidades assumem-se

O assalto a Tancos entrou em força na campanha eleitoral, depois de Rui Rio ter afirmado que “não é crível” que António Costa não soubesse da alegada encenação orquestrada pela PJ Militar, que terá sido feita com o conhecimento do ministro Azeredo Lopes, segundo o Ministério Público.

Quem tem medo da regionalização?

O debate sobre a regionalização está novamente na ordem do dia e tudo indica que o tema vai dar que falar nos próximos anos, apesar do apoio “sem pressas” por parte de António Costa e Rui Rio.
Ver mais artigos