Autor
João Barros, Economista
Artigos

A trindade da vigarice

Caixa, Novo Banco e Montepio. Um espelho do compadrio e troca de favores que mantêm Portugal num lodo financeiro há décadas e do qual não parece haver grande expectativa de sair.

As machistas de saias

Se uma mulher quer viver como a sombra do seu homem, força. Ninguém a obriga a decidir a sua vida. Mas não polua a luta de quem, tendo a possibilidade de decidir, escolhe ser livre, independente.

Brandos costumes

A violência doméstica não é fruto de meia dúzia de malucos que não se sabem comportar, é o resultado de uma sociedade profundamente machista, em que as mulheres são ainda vistas como propriedade do macho da relação.

Fé em Lisboa

Na Av. da República, ciclovias desenhadas para escoar o tráfego criado por milhares de pessoas em hora de ponta, não permitem a passagem sequer de quatro bicicletas alinhadas…

Um partido… partido

O aspirante a dirigente social-democrata havia garantido não se candidatar a tal cargo sem deixar Rio ir a eleições, e também se afirmara pouco adepto de eleições primárias. Começa mal.

Greves, ilusões, graves desilusões

Até ao final do ano estavam convocadas, à semana passada, quase 50 greves, que garantiriam que não haveria dia sem greve até à passagem de ano. Isto diz muito…
Ver mais artigos