Autor
João Palma Ferreira
jferreira@jornaleconomico.pt
Artigos

Luanda avança com Bolsa de Diamantes de Angola em 2022

Numa abertura que será experimental, a BDA – Bolsa de Diamantes de Angola deverá arrancar no próximo ano, num processo liderado pelas empresas do sector, Sodiam e Endiama, referiu ao Jornal Económico uma fonte do Executivo de Luanda, explicando que o ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Azevedo, admitiu que a BDA pode vir a cooperar na comercialização de diamantes angolanos com o Antwerp World Diamond Center.

Turismo. Quebras de faturação estão acima de 90% em quase metade das empresas

Ao fim de um ano completo de pandemia por Covid-19 em Portugal, as empresas da restauração e similares e do alojamento turístico “atravessam o seu período mais difícil de sempre”, refere a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), presidida por Mário Pereira Gonçalves, da Versailles

120 milhões para apoiar operadores turísticos e agentes de viagens

Linha de apoio à tesouraria das PME do Turismo ultrapassa as 10.368 candidaturas e um financiamento de 92,8 milhões de euros.

“Plano ambicioso vai promover o destino Algarve e o ‘slow tourism’”, diz secretária de Estado

Para estancar a crise no turismo algarvio, foram concedidos 77 milhões, a fundo perdido, mas, a médio prazo, será preciso capitalizar as empresas.

Grupos hoteleiros temem que a recuperação seja muito lenta

A escassez ou ausência de eventos internacionais e as limitações dos voos reduzem drasticamente as taxas de ocupação das unidades hoteleiras.

PremiumNegócio com o GES deu para comprar Torre Bela

O empresário Avelino Carvalho conta ao JE como comprou ao Duque de Lafões os primeiros terrenos da Torre Bela, no final dos anos 80, com o produto da venda de 38 hectares ao Grupo Espírito Santo. Diz que o remanescente deu para comprar a Santarena.
Ver mais artigos