InícioNotícia escrita porLeonor Mateus Ferreira

lmferreira@jornaleconomico.pt

A partir de hoje, país irá voltar a financiar-se no mercado e a almofada orçamental alivia a pressão. No entanto, a necessidade de crescimento e de contínuas reformas, a par do risco dos juros, levam a alguma cautela.

O regulador abriu, desde o ano passado, 13 processos de contraordenação a empresas de luz e gás. Suspeitas de mudanças de comercializador sem autorização e abordagens enganosas à celebração de contratos foram comunicadas ao Ministério Público.

O valor de criptomoedas como a bitcoin cai cerca de 60% este ano, mas o interesse por ‘initial coin offerings’ não arrefeceu. Os analistas antecipam que esta forma de financiamento continue a crescer.

Segundo o calendário de financiamento do IGCP, este será o penúltimo leilão de BT no terceiro trimestre do ano. Na última colocação de dívida com as mesmas maturidades, o Tesouro português emitiu 1.250 milhões de euros com juros negativos.

O PIB português deverá ter expandido 0,6%, em cadeia, no segundo trimestre, segundo os economistas consultados pelo JE. A confirmar-se será um ritmo superior ao do trimestre anterior.

Esta será a primeira emissão no mundo de Obrigações criadas, locadas, transferidas e geridas através da tecnologia. Os títulos serão chamados bond-i (blockchain operated new debt instrument) e serão lançados após um período de consultas com investidores.

A Whitestar Asset Solutions - a maior empresa do setor com cerca de 6,6 mil milhões de euros sob gestão - explicou ao Jornal Económico o que fazem as gestoras de créditos, de onde vêm e que dívidas são, bem como como pode um devedor fazer para regularizar a situação.

Guerra comercial chegou ao papel português. O Departamento do Comércio decidiu aplicar uma taxa de 37%, quando a esperada era 0%, numa decisão que a papeleira considera "intencional" e que vai contestar.