InícioNotícia escrita porMariana Bandeira

mbandeira@jornaleconomico.pt

O Ministério dos Negócios Estrangeiros refere, em comunicado, que o Governo “entende dever evocar o longo, continuado e decisivo contributo de Kofi Annan para a paz e segurança mundiais”.

Em causa está um software que estará a manipular as emissões de gases poluentes. Dieter Zetsche, presidente do conselho de administração da Daimler, garante que a empresa irá proceder à atualização do sistema e informar os clientes.

Marcelo Rebelo de Sousa endereçou uma mensagem a António Guterres a lamentar a morte do 7º secretário geral da ONU.

O Sindicato dos Médicos da Zona Sul assegura que já tinha exigido, no início do mês, “a rápida resolução da recomposição das equipas” desta unidade do hospital Amadora-Sintra.

O atual secretário geral das Nações Unidas homenageou Kofi Annan, defendendo que "nestes tempos turbulentos e difíceis, o seu legado como defensor global da paz continuará a ser uma verdadeira inspiração para todos nós".

O primeiro afro americano a atingir um cargo de topo na diplomacia internacional faleceu este sábado aos 80 anos.

O industrial Dow Jones ganhou 0,43%, para 25.669,32 pontos, depois de o “Wall Street Journal” noticiar esta sexta-feira que houve mais progressos nas negociações entre os Estados Unidos da América, a China e outros parceiros comerciais.

O antigo dirigente do Sporting afirmou, em conferência de imprensa, que "resulta completamente disparatada a peregrina ideia em cujos termos as comissões de Marta Soares se mantêm em exercício".