Autor
Roberto Figueira, partner na PKF Madconta
Artigos

Mega processos – impacto socioeconómico

Somos pródigos em dar tiros nos pés, a bem de uma pseudo justiça que nada mais faz do que alimentar a vontade de corromper, para quem tem propensão para tal, naturalmente. Que sirva de exemplo, megaprocessos são sorvedouros de dinheiro público, com retorno manifestamente escasso.

Confinamento versus recolhimento obrigatório – impacto económico

Todos sabemos que se fecharmos tudo, e colocarmos a população em casa, o vírus não avança certamente, mas “morremos” da suposta cura. Face a toda esta situação, a sociedade regional obriga-se a um nível de responsabilidade muito elevado, perante o desafio que é manter as empresas em atividade, as escolas parcialmente abertas, e estabilizar o nível diário de infeções, sem que tal prejudique as condições mínimas de sobrevivência da maior parte do tecido empresarial.

Day After da pandemia económica: o que se segue?

Mas então, para onde devemos caminhar? Os nossos problemas estruturais vão muito além daquilo que se está a viver em ambiente pandémico. A pandemia sanitária e agora económica, veio sim dar a conhecer ainda melhor aquelas que são as nossas enormes fragilidades.

Centro Internacional de Negócios da Madeira – Moeda de troca para OE 2021??

Continuarmos em Portugal a não perceber a importância do nosso Centro Internacional, poderá significar acabar com o próprio a breve trecho, sem perceber as reais consequências deste cenário, que diria catastrófico do ponto de vista económico para a RAM. Em suma, estaremos a acabar com uma das possibilidades de nos tornarmos cada vez mais autónomos do ponto de vista económico-financeiro, por via da legítima cobrança fiscal.

Orçamento de Estado 2021. E a Madeira, consta do OE?

A Madeira não consegue ter um aval do “seu” Estado Português, no sentido de poupar oitenta e quatro milhões de euros, o que revela a visão do mesmo sobre a nossa Região.

Portugal e o plano do Professor António Costa Silva

Sendo eu um defensor de que os privados devem ser envolvidos cada vez mais naquilo que são as grandes decisões para o País, julgo igualmente que devemos ter algum cuidado na escolha dessas pessoas, ou no mínimo, aferir da sua visão macro para o País.
Ver mais artigos