Autor
Rui Pedro Martins, Tax Director da PwC
Artigos

Banca: faz sentido pagar imposto sobre um património que nem sequer se queria ter?

As ideias aqui trazidas, em tempos de preparação e discussão da Proposta de Lei de OE para 2022, pressupõem a compreensão do negócio bancário e, em particular, da inevitabilidade que é a aquisição de imóveis em recuperação de crédito. Como importante é também entender o racional subjacente à tributação do património.

Habemus DMIS em 2021?

Acima de tudo, estamos perante uma alteração de paradigma, na medida em que a AT passará a estar na posse de informação muito mais detalhada sobre as operações, os seus intervenientes e as isenções aplicadas.