Autor
Sérgio Dundão, Investigador
Artigos

Os cidadãos “inocentes” e os políticos “malandros”

Neste sentido, seria mais fácil, por exemplo, afirmar que a ascensão de Adolf Hitler ao poder, na Alemanha, antes mesmo da instalação do regime nazi, não resultou de uma escolha eleitoral dos cidadãos alemães. De facto, foi, sim, uma escolha dos cidadãos que participaram na eleição de um ditador responsável pela morte de milhões de alemães.

Crónica de uma morte anunciada em Moscavide

Talvez a maior justiça esteja em tentar compreender porque é que fingimos que um problema que está à vista de todos não existe e negamos qualquer tentativa de reflexão sobre o mesmo.

A era do ódio nas redes sociais

As redes sociais são hoje espaços de ataques e de consagração de inimizades políticas, particularmente em relação a grupos minoritários que reivindicam os seus direitos.

Confinados e consumistas

A internet afirmou-se como a nova arena para a superação da crise de produção capitalista e evitou (ou será que adiou apenas?) uma nova revolução económica e social.

A glorificação do teletrabalho e o fim da esfera da intimidade

A solução ‘teletrabalho’ torna uma existência sem trabalho na era moderna impossível, sendo essa a ontologia da vida na modernidade e um caminho sem volta para os sujeitos do nosso tempo.

A novela romanesca da política angolana

Os velhos hábitos do passado e a cultura enraizada na nobreza eduardista não permitiram compreender que a nova metanarrativa política obrigava o actor principal a ir para além das falas encenadas.
Ver mais artigos