Autoridades francesas acusam PSA de ter falseado 2 milhões de veículos

A investigação das autoridades francesas à alegada fraude da PSA no controlo de emissões encontrou software suspeito em dois milhões de automóveis vendidos pelo grupo francês. A marca nega as acusações.

As autoridades francesas que investigam a alegada participação da PSA no falseamento de resultados de testes de controlo de emissões encontraram software suspeito em dois milhões de automóveis vendidos pela Peugeot e pela Citroën, adianta o francês Le Monde.

À Reuters, e em resposta à notícia, a PSA negou, através de um porta-voz, qualquer acusação de ter utilizado software fraudulento nos seus automóveis, mas não impediu que as suas ações descessem a pique. Às 10h19m de hoje, a descida era de 4,4%, para os 17,78 euros.

As acusações que pendem sobre o construtor francês remontam a fevereiro passado, altura em que a PSA se tornou o quarto construtor referenciado pelas autoridades francesas por suspeitas de fraude nos testes de controlo de emissões, seguindo-se à Volkswagen, à Renault e à Fiat Chrysler.

Na altura, o principal responsável pela engenharia dos modelos do grupo reconheceu que o tratamento das emissões nos modelos Diesel do grupo era deliberadamente reduzido a temperaturas mais elevadas, com o objetivo de diminuir os consumos e emissões de CO2 em ambiente extraurbano, quando o output de óxidos de azoto é menos crítico.

O Le Monde menciona um documento interno da PSA – a que as autoridades francesas terão tido acesso – que discute a necessidade de “tornar o aspeto ‘defeat device’ menos óbvio e visível”. Apesar disso, a PSA insiste que não existe nada de fraudulento ou ilegal acerca da calibração dos seus motores: “A PSA nega qualquer fraude e reafirma firmemente a pertinência das suas decisões tecnológicas.”

Relacionadas

PSA desenvolve protocolo mais fiável para medição de consumos e emissões

Em conjunto com a T&E, a FNE e o Bureau Veritas, o grupo PSA afirma ter criado um protocolo de medição de consumos de combustível em condições reais, que fornece dados fiáveis aos condutores e tem uma margem de erro de apenas 3%.

Comissão Europeia aprova compra dos serviços financeiros da Opel/Vauxhall pelo PSA

A proposta de aquisição conjunta das atividades financeiras da Opel e Vauxhall pelo Grupo PSA e BNP Paribas foi aprovada pelas autoridades europeias da concorrência.
Recomendadas

Recolha de ares condicionados para reciclagem longe da meta para Portugal

“Esta situação é muito grave em termos ambientais”, afirma a associação ambientalista Zero.

Al Gore ‘substitui’ Barack Obama no Climate Change Leadership Porto

O Prémio Nobel e ex-vice-presidente dos Estados Unidos estará no Porto em março para uma conferência focada nos desafios que as alterações climatéricas representam para a indústria mundial do vinho.

Comissão Europeia e Bill Gates lançam fundo de 100 milhões de euros para energias limpas

Com esta iniciativa, a Comissão Europeia pretende dar mais um passo no sentido de liderar a luta contra as alterações climáticas e de cumprir o Acordo de Paris.
Comentários