Capital Verde. Como será o financiamento na era sustentável?

A consciência ambiental está cada vez mais presente nos mercados e o “Capital Verde” é o tema da próxima JE Brand Channel Talks. Assista no dia 16 de setembro, às 15h00, na JE TV.

 

O impacto ambiental, assim como a contribuição para um mundo sustentável, são cada vez mais preocupações que pesam nas tomadas de decisão dos players do mercado. Investir e desenvolver de forma ecologicamente sustentável já não é apenas uma tendência, mas uma necessidade e, em alguns aspetos, uma obrigação.

No próximo dia 16 de setembro, às 15h00, assista à JE Brand Channel Talks: Capital Verde, e compreenda como têm os investidores e as organizações respondido à necessidade de incluir a sustentabilidade ecológica nos processos de decisão e de capitalização.

Para dar a conhecer como tem sido a revolução verde no capital esta conversa conta com a participação da EDP, bem como de Sofia Santos, economista e professora no ISEG.

É já na próxima quinta-feira, às 16h00, na JE TV, no Facebook e no YouTube do Jornal Económico.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a EDP.

Recomendadas

B2B Sales Performance: como criar e reter valor nas empresas?

As vendas B2B (business to business) têm mais expressão global do que as vendas B2C (business to consumer). Porquê? E como tem evoluído esta área das empresas no mundo digital? Saiba tudo nesta conversa em parceria com o ISEG Executive Education.

Será a tecnologia a chave para a recuperação do sector imobiliário?

O sector imobiliário estagnou com a pandemia. Descubra como a inovação tecnológica poderá ser essencial no desenvolvimento deste sector na JE Brand Channel Talks no dia 23 de setembro, às 15h00.

Pedro Borges Caroço sobre o regresso da Page Executive: “Estava na hora”

O Associate Partner da Page Executive, Pedro Borges Caroço, fala sobre a formalização do regresso da marca especializada em recrutamento de executivos ao mercado português e sobre a importância desses profissionais para a valorização das empresas.
Comentários