Carlos César: “Açores encontram no Governo interlocução de confiança e mão amiga”

O socialista falava no XVII congresso do PS/Açores, que decorre até domingo na Praia da Vitória, na ilha Terceira.

Ler mais

O presidente do Partido Socialista (PS) e presidente honorário do PS/Açores, Carlos César, valorizou este sábado carlos cesaro que diz ser a “interlocução de confiança” que existe entre a região autónoma e o Governo da República, liderado por António Costa.

“Os Açores encontram hoje no Governo da República do PS uma interlocução de confiança e uma mão amiga. Os tempos de hoje, felizmente, são bem diferentes de outros que já atravessámos. No período da ditadura ou, por exemplo, do cavaquismo depois do 25 de Abril”, vincou Carlos César. O socialista falava no XVII congresso do PS/Açores, que decorre até domingo na Praia da Vitória, na ilha Terceira.

Mesmo admitindo que “há sempre um ministro ou um secretário de Estado que se acha providencial ou um funcionário superior enervante que guarda o tesouro do centralismo”, César diz ser “justo” reconhecer que “na maioria dos casos” sente-se que “o atual Governo da República desenvolve um esforço muito grande de compreensão, de colaboração e de ajuda aos Açores”.

No que se refere à liderança socialista da região autónoma, Carlos César advoga que o PS deve manter o “espaço privilegiado da procura e concretização das melhores formas de fazer dos Açores terra de modernidade, atração, prosperidades e justiça”.

E concretizou: “Se nunca perdermos a paixão pelos Açores e causas que abraçamos, estaremos seguramente do lado das vitórias. Das vitórias que merecemos e que os Açores bem precisam”.

Segundo o presidente da comissão organizadora do XVII Congresso Regional do PS/Açores, Sérgio Ávila, a reunião, que decorre no Auditório do Ramo Grande, conta com a participação de 345 delegados socialistas das nove ilhas, 243 eleitos e 102 inerentes.

A moção de orientação global subscrita por Vasco Cordeiro será votada no sábado, seguindo-se a apresentação das moções setoriais, e no domingo serão eleitos os órgãos regionais do PS/Açores.

Vasco Cordeiro, que é presidente do Governo Regional dos Açores desde 2012, foi reeleito para um terceiro mandato como presidente do PS/Açores em junho, com 97,89% de votos a favor.

Recomendadas
Angola/PM: Costa considera “muito provável” visita de Estado de Marcelo em 2019
De acordo com o líder do executivo português, a partir de agora, as visitas de alto nível entre as autoridades políticas de Luanda e de Lisboa “retomarão o seu ciclo normal”.
Transparência: PS quer regresso da lista das subvenções vitalícias
A lista, composta na maioria por políticos reformados, deixou de ser publicada em maio, depois de surgirem dúvidas colocadas pelo Regulamento Geral de Proteção de Dados.
Comissão parlamentar quer ouvir Manuel Pinho em 17 de outubro
Fonte parlamentar adiantou à agência Lusa que para 17 de outubro ficou agendada a audição do ex-ministro da Economia Manuel Pinho, sendo esta a última data deste lote de inquirições previstas.
Comentários