Carlos César: “Açores encontram no Governo interlocução de confiança e mão amiga”

O socialista falava no XVII congresso do PS/Açores, que decorre até domingo na Praia da Vitória, na ilha Terceira.

O presidente do Partido Socialista (PS) e presidente honorário do PS/Açores, Carlos César, valorizou este sábado carlos cesaro que diz ser a “interlocução de confiança” que existe entre a região autónoma e o Governo da República, liderado por António Costa.

“Os Açores encontram hoje no Governo da República do PS uma interlocução de confiança e uma mão amiga. Os tempos de hoje, felizmente, são bem diferentes de outros que já atravessámos. No período da ditadura ou, por exemplo, do cavaquismo depois do 25 de Abril”, vincou Carlos César. O socialista falava no XVII congresso do PS/Açores, que decorre até domingo na Praia da Vitória, na ilha Terceira.

Mesmo admitindo que “há sempre um ministro ou um secretário de Estado que se acha providencial ou um funcionário superior enervante que guarda o tesouro do centralismo”, César diz ser “justo” reconhecer que “na maioria dos casos” sente-se que “o atual Governo da República desenvolve um esforço muito grande de compreensão, de colaboração e de ajuda aos Açores”.

No que se refere à liderança socialista da região autónoma, Carlos César advoga que o PS deve manter o “espaço privilegiado da procura e concretização das melhores formas de fazer dos Açores terra de modernidade, atração, prosperidades e justiça”.

E concretizou: “Se nunca perdermos a paixão pelos Açores e causas que abraçamos, estaremos seguramente do lado das vitórias. Das vitórias que merecemos e que os Açores bem precisam”.

Segundo o presidente da comissão organizadora do XVII Congresso Regional do PS/Açores, Sérgio Ávila, a reunião, que decorre no Auditório do Ramo Grande, conta com a participação de 345 delegados socialistas das nove ilhas, 243 eleitos e 102 inerentes.

A moção de orientação global subscrita por Vasco Cordeiro será votada no sábado, seguindo-se a apresentação das moções setoriais, e no domingo serão eleitos os órgãos regionais do PS/Açores.

Vasco Cordeiro, que é presidente do Governo Regional dos Açores desde 2012, foi reeleito para um terceiro mandato como presidente do PS/Açores em junho, com 97,89% de votos a favor.

Ler mais
Recomendadas

Diplomas para a legalização da canábis chumbados no Parlamento

Os diplomas de Bloco de Esquerda e PAN para a legalização da canábis para uso recreativo, foram ontem debatidos em Parlamento mas foram chumbados. PSD, PCP e CDS-PP votaram contra, enquanto que o PS defendeu votos mistos.

Rui Rio: “Isto não pode ser a política do bota abaixo permanentemente”

O presidente do PSD diz que a sua liderança saiu reforçada e pede “tranquilidade” para liderar o partido e que não “haja permanente ruído”.

Governo vai avaliar riscos de corrupção nos decretos-lei

“Não podemos ignorar os resultados dos múltiplos estudos de distintas entidades que invariavelmente apontam para estarmos longe de obtermos vencimento na luta contra a corrupção”, justificou o secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros.
Comentários