PremiumCascais Padel Masters capta 1,5 milhões em três anos

Cascais Padel Masters estima ter uma assistência de 15 mil pessoas. Prova tem aval da autarquia até 2021. A modalidade conta com 90 mil praticantes em Portugal.

A prova portuguesa do circuito mundial de padel, o Cascais Padel Masters, oficialmente apresentada esta semana, vai ter um “impacto económico estimado de cerca de meio milhão de euros na região de Cascais, por cada ano da sua realização”, revelou o presidente executivo da promotora SW19, João Martins, em conversa com o Jornal Económico.

Uma vez que a SW19 tem o aval da Câmara Municipal de Cascais para realizar a prova até 2021 – contas feitas – são 1,5 milhões de euros que o evento permitirá injetar na economia da região em três anos, “no que respeita, sobretudo, ao dinheiro gasto em hotelaria e restaurantes de Cascais”.

O bolo monetário que Cascais poderá digerir vai corresponder exatamente ao valor global com que a SW19 prevê alimentar o Cascais Padel Masters em três anos. “Estimamos investir cerca de 1,5 milhões no evento até 2021. Temos uma expetativa simples de investimento e de retorno ao longo destes três anos”, explicou o CEO da SW 19.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Relacionadas

Eleven Sports Portugal garante direitos de transmissão do World Padel Tour

A partir de agora, os canais da Eleven Sports transmitem eventos de, pelo menos cinco modalidades distintas, nomeadamente, futebol, futebol americano, automobilismo, desportos de combate, ténis e, agora, padel.

Ténis: Do primeiro jogo entre amigos ao Millenium Estoril Open

No século XIX, o aristocrata Guilherme Pinto Basto promoveu o primeiro desafio da modalidade em Cascais. Nos próximos dias, o concelho volta a receber alguns dos principais jogadores do ténis mundial.

Como nasceu o Estoril Open? João Lagos conta tudo no “Jogo Económico”

Esta semana, falámos da organização de eventos desportivos e como Portugal evoluiu nos últimos 40 anos. Nesta edição, contámos com a participação especial de João Lagos, o ‘pai’ do Estoril Open.
Recomendadas

Premium“Queremos responsabilizar as empresas poluentes”

PAN quer poluidores a financiar fundo, meios para investigar crimes ambientais e uma nova cultura nos tribunais. Não rejeita entendimento com António Costa, mas não tem o Governo no horizonte.

PremiumTurismo de Portugal: Enoturismo e literatura vão ser as novas apostas

Segmentos ligados aos mundos dos vinhos e da literatura foram escolhidos pelo Turismo de Portugal para atrair ainda mais visitantes ao país.

PremiumPortugal atinge recorde de 24 milhões de turistas em 2019

Presidente do Turismo de Portugal acredita que o crescimento verificado no final do primeiro semestre se irá manter na segunda metade do ano.
Comentários