Certificação para ‘Lojas com história” protege contra despejos e confere apoios

No Funchal, são cerca de 200 os espaços em condições de se candidatarem a esta certificação criada recentemente pela Câmara.

FOTO André Gonçalves

Proteção contra ações de despejo e apoios para a reabilitação. Estas são as principais vantagens da certificação ‘Lojas com História’ aprovada recentemente no âmbito de um Regulamento Municipal do Reconhecimento e Proteção da Câmara Municipal do Funchal.

Segundo a autarquia são cerca de 200 os espaços na cidade inventariados e em condições de se candidatar a esta certificação camarária.

“Este regulamento vem conciliar senhorios e inquilinos, salvaguarda a economia e a cultura da cidade, no pressuposto de que estas lojas preservam quer a identidade local da nossa gente, quer a genuinidade que os turistas procuram quando visitam o Funchal”, explicou, ontem, Paulo Cafôfo, durante uma visita à Expomadeira, feira que acolhe esta edição um stand direcionado para as mais antigas lojas do Funchal. Entre elas, a Fábrica Santo António, a Casa Inglesa, a Loja Gonzalez e a Mercearia do Bento.

“As lojas com história são espaços que marcam a identidade da cidade, denotando grande importância turística mas também económica, pois são geradoras de emprego, necessitando de apoio para coexistirem de forma saudável com as grandes superfícies comerciais”, concluiu ainda Paulo Cafôfo.

Recomendadas

João Rodrigues ‘arrasa’ concorrência nos mundiais de windsurf em Portimão

O português mais olímpico de sempre venceu as quatro regatas disputadas na classe Raceboard Masters no primeiro dia de provas do Windsurfing World Championship, a decorrer na Praia da Rocha.

CDU acusa autarquia do Funchal de gerir a cidade a duas velocidades

A deputada municipal Herlanda Amado acusa a autarquia de não ter em atenção as especificidades de quem vive no centro do Funchal e nas zonas limítrofes da cidade.

Porto do Funchal cresce 10% em escalas e 16% em passageiros

Nos primeiros oito meses deste ano o Porto do Funchal recebeu 286 402 passageiros. Também o movimento de mercadorias está em ciclo positivo. A carga contentorizada totalizou neste período as 435 401 toneladas.
Comentários