Como os ‘bots grinch’ estão a roubar o Natal e a gerar indignação nos EUA

Estão a ser usados bots para esgotar um dos brinquedos mais populares nos Estados Unidos, de forma a revendê-los a preços muito mais caros no mercado de compras em segunda-mão.

No famoso livro infantil escrito por Theodor Geigel (mais conhecido por Dr. Seuss) How the Grinch Stole Christmas!, a personagem central, Grinch, um monstro verde amargo e mal-humorado com um coração “dois tamanhos demasiado pequeno”, detesta tanto o Natal e alegria dos seus vizinhos durante a época festiva que decide roubar todos os seus presentes.

Neste Natal, um outro tipo de Grinch está a estragar o Natal a muitas pessoas, de forma ligeiramente diferente e por outros motivos.

Um dos brinquedos mais populares neste Natal nos Estados Unidos é o Fingerling, pequenos bonecos em forma de macaco que as crianças colocam à volta dos dedos, e que respondem aos seus gestos.

Alguns “empreendedores” viram neles e na intensa procura por estes brinquedos uma oportunidade: criaram bots que compram Fingerlings online em massa, e depois colocam-nos à venda em sites como o eBay a preços muito mais elevados que os 15 dólares a que eles são normalmente vendidos. No eBay, chegam a ser vendidos a 5 mil dólares.

A questão chegou já ao Senado dos EUA, onde o democrata Chuck Schumer declarou recentemente que “não podemos permitir que os bots grinch roubem o Natal, ou os dólares, das carteiras do nova-iorquinos”.

Os responsáveis do eBay, no entanto, lembram que o que os criadores destes bots fazem não é ilegal, já que se limitam a comprar um determinado bem pelo preço a que lhes é vendido, e que o vendem a um preço aceite por quem o compra. “Como um mercado aberto, o eBay é um indicador global de tendências na qual a oferta e a procura ditam os preços dos itens”, disse a empresa num comunicado. “Desde que o produto seja legal para venda e esteja de acodo com as nossas políticas, pode ser vendido no eBay.

Se um produto for popular, diz Omri Iluz, cofundador e CEO da empresa de cibersegurança PerimeterX, “vai ser apanhado por bots e revendido”. Como o conseguem fazer a uma velocidade “completamente inumana”, diz Iluz, os bots conseguem açambarcar um número extensíssimo do produto desejado, criando uma situação de escassez que inflacciona os preços desse bem no mercado de vendas em segunda-mão.

No final do livro de Dr. Seuss, Grinch é convidado pelas pessoas que aterrorizou, e o seu coração fica três vezes maior por causa da sua gentileza. Nem uma coisa nem outra deverão acontecer aos criadores dos bots que estão a roubar o Natal.

Recomendadas

Governo lança site sobre o Orçamento

No www.oe2019.gov.pt pode ver-se um vídeo de apresentação, com o primeiro ministro, sobre o documento: “um orçamento que continua a recuperação de rendimentos das famílias e que apoia o investimento das empresas e a inovação”.

Veja aqui, em direto da EY, o enquadramento ao OE2019

Os ‘partners’ da Ernst & Young analisam a proposta de lei do Orçamento de Estado para 2019, apresentada no início desta semana pelo governo, bem como as principais alterações ao nível de impostos sobre empresas e particulares.

Nações Unidas alertam para aumento da fome mundial. Saiba como contrariar o flagelo

No Dia Mundial da Alimentação, a campanha “Fome Zero” lança várias ideias para a combater a fome mundial, numa altura em que 820 milhões de pessoas sofrem de desnutrição crónica, de acordo com as Nações Unidas.
Comentários