Comunistas vão apresentar 140 propostas de alteração ao Orçamento Regional

Mais verbas para contratação de enfermeiros, um programa habitacional para jovens, e contratação de mais psicólogos e assistentes sociais, serão algumas das alterações propostas pelo PCP.

O PCP vai apresentar cerca de 140 propostas de alteração ao Orçamento Regional que começa a ser discutido esta terça-feira.

Entre as propostas consta um programa habitacional para jovens e um aumento de verbas para a prevenção da violência doméstica na Madeira.

Ba saúde os comunistas madeirenses propõem mais financiamento com vista à contratação de mais enfermeiros, bem como incentivos à sua fixação na Região.

Mais enfermeiros e médicos de família, de maneira a garantir mais cuidados de saúde às crianças serão outras alterações propostas pelo PCP para o Orçamento Regional.

Na educação manuais escolares gratuitos no ensino obrigatório, mais contratação de psicólogos e assistentes sociais, serão medias as propor, enquanto que na cultura os comunistas querem entradas no museus gratuitas aos domingos e feriados.

Recomendadas

Binter lança campanha para voos entre Madeira, Canárias e Tenerife

A campanha é válida até este sábado para voos realizados em março.

Orquestra Clássica da Madeira em concerto que comemora os seus 55 anos

O concerto vai ter lugar no Centro de Congressos da Madeira, com início às 18h.

PSD diz que a Madeira “pode orgulhar-se” de ser a primeira no País a avançar com estatuto do cuidador informal

João Paulo Marques diz que a proposta “prova” que o Governo Regional tem a intervenção e o apoio social como áreas prioritárias de governação, “não só apoiando quem mais precisa, mas, com o estatuto do cuidador informal, cuidando de quem cuida e dando condições para que os familiares possam cuidar dos seus doentes em casa, que é onde deles precisam e onde merecem estar”.
Comentários