DBRS atribui ratings pela primeira vez à espanhola União de Créditos Imobiliários

A DBRS Ratings Limited (DBRS) atribuiu ratings pela primeira vez à Unión de Créditos Imobiliários, EFC (UCI), credor hipotecário especializado em Espanha e Portugal.

Madrid, Espanha

A DBRS Ratings Limited (DBRS) atribuiu ratings pela primeira vez à Unión de Créditos Imobiliários, EFC (UCI), credor hipotecário especializado em Espanha e Portugal.

A UCI é uma Joint Venture (JV) entre o Banco Santander e o Grupo BNP Paribas (BNPP).

Os ratings atribuídos são o Rating de Emissor de Longo Prazo A low e o Rating de Emissor de Curto Prazo R-1 (low). A tendência em todas as classificações é Estável.

A DBRS atribuiu uma avaliação de suporte de SA1 à UCI, o que implica a expectativa de suporte previsível dos seus acionistas (Santander e BNP Paribas).

A UCI concentra-se em empréstimos hipotecários, com uma participação no mercado de hipotecas em Espanha de cerca de 2% no final de 2017. A DBRS observa que rentabilidade da UCI é altamente concentrada na receita líquida de juros. A UCI registou lucros em 6 dos últimos 7 anos.

A UCI foi criada em 1989 como uma Joint Venture entre o Banco Santander  (50%), a Union Credit pour le Batiment (40%) e a Compagnie Bancaire (10%). Com ambas as duas últimas entidades a tornarem-se parte do Grupo BNP Paribas, a UCI é agora uma Joint Venture (JV) entre o Santander e o BNP Paribas, tendo ambos os grupos uma participação de 50%.

A UCI opera principalmente na Península Ibérica, com 88% dos empréstimos a tomadores espanhóis e 10% a tomadores portugueses no final de 2017. A entidade tem exposições não materiais na Grécia e os novos empréstimos cessaram em 2011.

Ler mais
Recomendadas

Salários da CGD aumentaram em 2019 com início de pagamento de bónus

Os salários da administração da CGD cresceram para 3,6 milhões de euros no ano passado, um aumento de 22,5% justificado com o início de um programa de pagamento de remunerações variáveis, que já estava previsto, revelou o banco.

BdP recomenda aos consumidores que atualizem os contactos junto do banco no processo de autenticação forte do cliente

Em comunicado, o BdP recomendou “aos consumidores que atualizem, até agosto, os seus contactos junto do seu banco/prestador de serviços de pagamento e que adiram às soluções de autenticação forte, idealmente até ao final de outubro, para continuarem a efetuar compras online com cartão”.

Ex-vice-presidente do BFA alertou regulador angolano para “incumprimento grave” das normas bancárias

O ex-vice-presidente do Banco de Fomento Angola (BFA), António Domingues, que apresentou demissão na semana passada, alertou o regulador angolano para o “incumprimento grave” das normas do setor bancário por parte de um vogal executivo da instituição financeira.
Comentários