DefinedCrowd consagrada a melhor ‘startup’ do congresso APDC

DefinedCrowd é a melhor ‘startup’ do congresso APDC e foi selecionada para o programa de aceleração de ‘startups’ nos Estados Unidos.

A DefinedCrowd foi eleita a melhor startup do ’26º Digital Business Congress APDC’, presidido por Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República.

É mais uma distinção para a startup portuguesa, uma plataforma que combina crowd-as-a-service machine learning para acelerar a formação de dados empresariais e modelagem, que desenvolveu um sistema de fornecimento de dados para o reconhecimento de voz e programação neurolinguística.

A startup, fundada por Daniela Braga, foi, recentemente, seleccionada para um acelerador da multinacional Microsoft, em Seattle, nos Estados Unidos.

Recomendadas

Startup portuguesa vai à Holanda tentar conquistar prémio pelo apoio a refugiados

A startup vai à cidade britânica de Oxford participar num programa de aceleração e, de seguida, segue para a final internacional do concurso da Chivas Regal, em Amesterdão.

Dois empresários portugueses são jovens promessas para a revista Forbes

Ricardo Sequerra Amram, da Cherry Ventures, e Tiago Sá, da Wisecrop, estão na lista “30 Under 30” de 2019 da revista norte-americana.

Publicidade no Espaço? Startup russa garante que é o futuro

A startup russa StartRocket planeia colocar billboards gigantes na órbita da Terra até 2022.
Comentários