Delegação da Ordem dos Arquitetos passa a secção e reforça estrutura regional

Rui Campos Matos deixa presidência da Ordem para se dedicar a investigação, mas pondera voltar a candidatar-se no próximo ano.

À frente da delegação regional da Ordem dos Arquitetos desde 2014, Rui Campos Matos deixa o cargo para se dedicar a uma investigação na área do turismo e património regional, mas pondera voltar a se candidatar às eleições para a futura Secção Regional da Madeira da Ordem dos Arquitetos.

Os novos estatutos aprovados em 2016 determinaram que a Madeira passe a ser representada não por uma Delegação da Secção Regional Sul, como o tem sido até agora, mas por uma secção autónoma sediada no Funchal.

“Vai haver uma estrutura mais pesada, com mais pessoas. A Madeira poderá vir a gozar de alguma autonomia face à Secção Regional Sul, sediada em Lisboa”, refere Rui Campos Matos que admite voltar a ser candidato dentro de um ano.

O atual presidente da delegação da Madeira da Ordem dos Arquitectos vai ser sucedido pela arquiteta Carolina Sumares até à realização de eleições para a futura Secção Regional da Madeira da Ordem dos Arquitectos.

Relacionadas

Projeto de Rui Campos Matos quer incluir edifícios da arquitetura moderna nos roteiros turísticos

Arquitecto deixou a delegação regional da Ordem para se dedicar a uma investigação que deve culminar com a publicação de um roteiro bilingue sobre o modernismo na arquitectura do século XX.
Recomendadas

Uaucacau planeia chegar a Lisboa ou Porto até final do ano

A empresa produz chocolates artesanais, com sabores típicos da Madeira, que são obtidos através de produtores regionais.

Estado quer canalizar receita dos impostos do tabaco e das bebidas açucaradas das regiões autónomas para o SNS

A proposta de OE2019 prevê uma alteração ao atual artigo do Código dos Impostos Especiais de Consumo no que se refere ao Artigo 105.º (Taxas nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira), aumentando o imposto sobre o tabaco produzido nestas regiões. As receitas serão canalizadas para o SNS. Assim como as das bebidas açucaradas.

‘Bioplatform’: plataforma de agricultura biológica quer chegar ao mercado ibérico

O Bioplatform é uma plataforma comercial quer quer servir como pólo agregador na área da agricultura biológica.
Comentários