Energia dá gás à praça de Lisboa. PSI20 volta a abrir positivo

As energéticas estão a fazer o PSI20 ganhar terreno, apesar de uma abertura tímida. Assim, depois de brilharem ao fecho da sessão de ontem, as cotadas do sector da energia voltam a dar gás à bolsa de Lisboa.

A bolsa portuguesa iniciou, esta quinta-feira, as negociações em terreno positivo. O principal índice bolsista português (PSI 20) valoriza 0,48%, para 5,620.45 pontos.

A Galp valoriza 1,20% para 9,92 euros, a Navigator sobe 1,21% para 3,02 euros, o BCP cresce 0,77% para 0,16 euros, a Jerónimo Martins sobe 0,88% para 18,84 euros, a Altri valoriza 0,87% para 5,21 euros e a EDP Renováveis ganha 0,64% para 22,04 euros. A EDP soma ainda 0,36% para 4,77 euros, enquanto a Corticeira Amorim ganha 0,34% para 11,90 euros.

Em rota descendente surge a Novabase, que cai 2,08% para 4,70 euros.

A REN segue ainda a negociar de forma inalterada, com as ações avaliadas em 2,65 euros.

As principais congéneres europeias estão a negociar em terreno positivo na abertura, contrariando a tendência observada nas manhãs anteriores . O alemão DAX valoriza 0,56%, o francês CAC 40 ganha 0,48%, o britânico FTSE 100 avança 0,56% e o italiano cresce 0,58%. O espanhol IBEX soma 0,23%. O Euro Stoxx abre a sessão a cresce 0,73% para 4.112,95 pontos.

No mercado petrolífero, o barril do Brent ganha 0,85%, para 83,89 dólares, enquanto o WTI valoriza 0,81% para 81,09 dólares. O preço por barril mantém-se acima dos 80 dólares há quase uma semana.

No mercado cambial, o euro ganha 0,16% face ao dólar, para 1,1611 dólares, e a libra esterlina avança 0,29% para 1,3699 dólares.

Recomendadas

Wall Street encerra ‘mista’ com destaque para sector tecnológico

A Visa foi uma das empresas que mais prejudicou o Dow Jones que, pela primeira vez em quatro dias, encerrou em terreno negativo. As ações da Visa caíram 6,93% após emitir uma perspetiva de receita que alguns analistas consideraram “conservadora”.

Bolsa portuguesa acompanha tendência europeia e encerra em terreno negativo

BCP, que divulga esta quarta-feira contas, e Galp Energia empurram o PSI-20 para o ‘vermelho’. Em terreno positivo, destacam-se a EDP e EDP Renováveis, que encerraram o dia a valorizar 0,99% para os 4,89 euros e 1,44% para os 24,02 euros, respetivamente.

EDP Brasil entra oficialmente numa bolsa espanhola

A empresa (detida em 52% pelo grupo EDP) passa a negociar na Latibex, o único índice bolsista internacional focado exclusivamente em títulos da América Latina negociados em euros.
Comentários