Energia elétrica: produção cai e consumo sobe em dezembro

Em 2017, o total da produção líquida de energia elétrica e o total do consumo de energia acumulada apresentaram variações homólogas de -1,6% e 0,7%, respetivamente, segundo as estatísticas da REN.

Em dezembro de 2017, o total da produção líquida de energia elétrica e o total do consumo de energia elétrica registaram variações homólogas de -15,5% e 4,1%, respetivamente, de acordo com a Estatística Mensal de Exploração do Sistema Elétrico Nacional da REN.

O saldo importador registou um valor de 224 GWH em dezembro de 2017.

No período acumulado de janeiro a dezembro de 2017, o total da produção líquida de energia elétrica e o total do consumo de energia acumulada apresentaram variações homólogas de -1,6% e 0,7%, respetivamente.

O consumo do mercado regulado, caiu num mês (em dezembro face a novembro) 2,3%, já no acumulado do ano a variação homóloga é de -20,2%.

Por outro lado o consumo no mercado liberalizado registou um aumento quer mensal quer anual. No mês de dezembro subiu 4,8% e na variação homóloga do acumulado do ano subiu 2,8%.

Recomendadas

Altice Portugal em conversas com dois bancos para prestar serviços financeiros

Alexandre Fonseca afirmou que, “neste momento, a Altice Portugal está a falar com duas instituições financeiras nacionais (…) sobre a possibilidade de expandir a sua oferta para a área de serviços financeiros”.

PremiumEmpresas e famílias terão incentivos fiscais no interior

Governo lança benefícios fiscais (ao nível do IRC e do IRS) para promover a revitalização do interior. Investir fora dos grandes centros urbanos terá mais vantagens para as famílias e para as empresas.

PremiumGoverno vai alocar 200 milhões das receitas do IRC à Segurança Social

O Governo pretende alocar cerca de 200 milhões de euros das receitas de IRC arrecadadas em 2019 ao Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social, o equivalente a um ponto percentual da taxa do imposto que recai sobre as empresas . Face à transferência deste ano, os cofres da Segurança Social receberão mais 120 milhões de euros em 2019.
Comentários