Equipamento para projeto de aproveitamento hidroeléctrico da Calheta já está na Região

Investimento de 70 milhões de euros está em marcha, com construção de uma barragem no Pico da Urze, e vem reduzir a dependência energética da Região.

bdr

Chegou, esta manhã, à Região, a bordo do navio Anja C, o equipamento necessário para o avanço de uma das operações logísticas mais complexas no que concerne ao projeto da ampliação do aproveitamento hidroeléctrico da Calheta.

Este material vai constituir  a conduta forçada elevatória de ligação entre a albufeira do Pico da Urze , a nova Central Hidroeléctrica da Calheta – Calheta III e a Estação Elevatória da Calheta, com uma conduta com cerca de 3,5 Km de comprimento.

Conforme avançou o Económico Madeira, na sua edição impressa de julho, este projeto de 70 milhões de euros vai permitir reduzir a dependência energética da Madeira, aumentando o peso das fontes renováveis para 39%, aproximando-se da meta de 50% a atingir em 2020.

O empreendimento vai possibilitar um crescimento da produção de electricidade, através de fontes renováveis, na ordem dos 10%.

Relacionadas

Central hídrica vai reduzir dependência energética da Região

Projeto de 70 milhões de euros em marcha, com construção de barragem no Pico da Urze. Para breve, está a consignação da subestação do Lombo Doutor, disse o secretário da Economia, Eduardo Jesus.

Governo quer que 50% da energia consumida pela Madeira seja de fontes renováveis

“O caminho das boas práticas ambientais na Madeira é irreversível”, disse Miguel Albuquerque numa cerimónia de entrega dos prémios Green Key, que está a decorrer na Casa da Luz, no Funchal.
Recomendadas

Feira discute novas abordagens à economia social

O evento é ainda marcado por atuações musicais e por um workshop de chocolate.

Alberto II: de apreciador a confrade do Vinho Madeira

Príncipe Alberto II do Mónaco foi entronizado confrade do Vinho Madeira esta sexta-feira, declarando-se apreciador do vinho tal como o seu pai e o tetravô.

Dívida da Madeira diminui 103 milhões de euros no segundo trimestre

No final do segundo trimestre a dívida regional estava fixada em 4.709 milhões de euros. A Madeira teve também uma queda no peso dos empréstimos dos 73,2% para os 71,6%.
Comentários