Estados Unidos ordenam prisão da diretora financeira da Huawei

Wanzhou Meng, que é também filha do fundador da empresa, estava no Canadá quando foi detida, por suspeita de ter violado sanções impostas pelos Estados Unidos ao Irão.