Travel ban: EUA endurecem regras para concessão de vistos

Países que não cumpram este novo protocolo, ou que o façam 50 dias depois, vão enfrentar várias sanções. Administração de Trump justifica esta etapa como uma “medida de proteção.”

Os EUA ocupam, este ano, a 1ª posição, subindo três lugares.

A administração interna norte-americana vai exigir que todas os países forneçam dados “extensivos” sobre as pessoas que requerem vistos para os Estados Unidos, “para que seja possível determinar com melhor precisão uma possível ameaça terrorista”, de acordo com um documento a que a Reuters teve acesso.

Os países que não cumpram este novo protocolo ou que tomem medidas para fazê-lo apenas 50 dias depois podem enfrentar sanções.

A mensagem enviada a todos os postos diplomáticos dos EUA, na quarta-feira, é um resumo de uma revisão mundial dos procedimentos de verificação, que foram exigidos pelo pedido executivo do presidente norte-americano, Donald Trump, referente a 6 de março, que proibiu temporariamente a viagem de cidadãos provenientes de sete países de origem muçulmana.

Os EUA vão ordenar que as nações forneçam “qualquer informação de identidade” solicitada por Washington, incluindo detalhes biométricos ou biográficos, assim como o registo criminal.

“Esta é a primeira vez que o governo dos EUA está a estabelecer padrões para a informação exigida a todos os países”, escreve o documento.

Este protocolo integra uma série de etapas elaboradas pela administração de Trump, para “proteger os Estados Unidos de ataques terroristas”.

 

Ler mais
Recomendadas

“Ele soa como nós”. Ex-líder do Klu Klux Klan elogia Bolsonaro

“Ele é sem dúvida um descendente europeu. Parece-se com qualquer homem branco nos EUA, em Portugal, Espanha ou Alemanha e França”, qualificou o David Burke, ex-líder do Klu Klux Klan.

Dívida pública de Angola estimada em 70 mil milhões de dólares

Situação foi relatada hoje pela secretária de Estado para o Orçamento de Angola, Aia Eza da Silva, quando procedia a apresentação do Quadro Macroeconómico 2019 e os Limites da Despesa para Elaboração do Orçamento Geral do Estado (OGE) 2019.

Bolsonaro cresce nas intenções de voto, revela sondagem

Bolsonaro é o favorito à vitória na 2ª volta das eleições do Brasil. Francisco Haddad só leva a melhor entre os mais pobres e entre os eleitores do nordeste do Brasil. Brasileiros voltam às urnas dia 28.
Comentários