Feliciano Barreiras Duarte escolhido por Rio para secretário-geral do PSD

O antigo chefe de gabinete de Pedro Passos Coelho, que deixou o cargo por divergências políticas, sucede ao atual secretário-geral dos sociais-democratas, José Matos Rosa.

O novo presidente eleito do Partido Social Democrata (PSD), Rui Rio, escolheu este sábado Feliciano Barreiras Duarte para secretário-geral do partido. Barreiras Duarte sucede ao atual secretário-geral dos sociais-democratas, José Matos Rosa.

Feliciano Barreiras Duarte é um dos homens mais próximos de Rui Rio e trabalhou nos bastidores com o ex-autarca do Porto na candidatura às eleições diretas do PSD. Integrou a comissão organizadora do Congresso do PSD ao lado do secretário-geral cessante.

Foi chefe de gabinete de Pedro Passos Coelho durante os primeiros anos da liderança do PSD, mas acabou por sair devido a divergências políticas com o ex-líder. Ocupou ainda o cargo de secretário de Estado Adjunto do ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares.

Este era um dos nomes esperados para ocupar o cargo de secretário-geral, que é visto como um cargo mais burocrático e menos político no partido. O apoiante de Rui Rio irá ficar também responsável por fazer a ligação entre a direção do partido e os restantes órgãos do país e gerir as contas do PSD.

Recomendadas

“Troika deixou marcas no mercado de trabalho”, realça Secretário de Estado do Emprego

Num discurso onde traçou o cenário do emprego em Portugal nos últimos três anos, com ênfase para a queda da taxa de desemprego e aumento do emprego criado, Miguel Cabrita chamou ao Governo parte dos louros.

CDS vai pedir uma comissão de inquérito ao ‘caso Tancos’

Proposta dos centristas surge depois da Polícia Judiciária ter detido hoje militares da Polícia Judiciária Militar e da Guarda Nacional Republicana e um outro suspeito no âmbito do caso do roubo de Tancos.

“Ele deu uma facada e rodou. Para matar, mesmo”. Bolsonaro fala pela primeira vez depois do ataque

”Ele deu uma facada e rodou. Para matar mesmo. O cara sabia o que estava fazendo. Por milímetros não atingiu veias que eu não teria como resistir”, revelou o candidato sobre o ataque de foi alvo.
Comentários