Fitch mantém rating da EDP

Para a EDP, “esta afirmação da notação de rating reflecte a posição de liderança da EDP em Portugal, o peso significativo das actividades reguladas e quasi-reguladas bem como o nível de alavancagem financeira da empresa”.

Ctristina Bernardo

A EDP comunicou à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários a manutenção do rating atribuído pela Fitch Ratings.

“Hoje, a Fitch Ratings (“Fitch”) manteve a notação de rating de longo prazo de “BBB-” e de curto prazo de “F3” da EDP e da EDP Finance BV, bem como a de “BB” para instrumentos representativos de dívida subordinada (“híbrido”).

O Outlook foi também mantido em “estável”.

A Fitch também afirmou a notação de rating de longo prazo de “BBB-” e de curto prazo de “F3” da EDP España, S.A.”, pode ler-se na informação prestada à CMVM.

Para a EDP, “esta afirmação da notação de rating reflecte a posição de liderança da EDP em Portugal, o peso significativo das actividades reguladas e quasi-reguladas bem como o nível de alavancagem financeira da empresa”.

 

Ler mais
Recomendadas

Santander Totta financia operações de PME no valor de 4,3 mil milhões

O Santander Totta anuncia a liderança nas linhas de crédito protocoladas com a PME Investimentos com 43.234 operações contratadas. A totalidade das linhas de crédito protocoladas com a PME Investimentos, até novembro de 2018, somam um total de 4.323 milhões de euros.

Nova unidade industrial em Viana do Castelo gera 50 postos de trabalho

A Serratec empresa especializada na produção de componentes para a indústria automóvel escolheu a freguesia de Neiva, para a construção da sua unidade fabril. A obra ficou concluída no passado mês de novembro.

Lucro do Sistema de Indemnização aos Investidores cai 152% para 864 mil euros

O resultado líquido caiu em 2017, mas os ativos do fundo subiram 5,5%. “No balanço, destacam-se, no ativo, os meios financeiros líquidos, que totalizavam 11.480.988 euros (11,5 milhões), acima dos 10.939.010 euros (10,9 milhões) em 2016”, lê-se no relatório e contas publicado pela CMVM.
Comentários