Foi afetado pela greve da Ryanair? Há 20 milhões de euros para compensações

Previsões da AirHelp, empresa especializada na defesa dos direitos dos passageiros aéreos, estimam que as paralisações vão afetar cerca de 400 voos e 67 mil passageiros em toda a Europa.

A transportadora aérea Ryanair informou que os passageiros afetados pela greve dos pilotos convocada para esta sexta-feira terão direito a compensações, cujo valor total pode chegar a mais de 20 milhões de euros. As previsões da AirHelp, empresa especializada na defesa dos direitos dos passageiros aéreos, estimam que as paralisações vão afetar cerca de 400 voos e 67 mil passageiros em toda a Europa.

Os pilotos das bases alemãs da Ryanair anunciaram esta quinta-feira que se vão juntar à greve de 24 horas de sexta-feira, juntando-se aos pilotos da Irlanda, Suécia e Bélgica. Os clientes afetados pela greve estão a ser informados das opções para os seus voos.

Esta é a quinta paralisação dos pilotos irlandeses desde 12 de julho. Na semana passada, tripulantes de cabine de Itália, Portugal, Espanha e Bélgica estiveram também em greve para reclamar entre outras coisa, a aplicação das leis laborais nacionais e não da irlandesa.