Fundação de Serralves e a CP estabelecem parceria que dá descontos a quem viajar para visitar o museu

Os interessados usufruem de descontos até 25% em Alfa Pendular e Intercidades, ao apresentar um bilhete de entrada em Serralves, bem como de um desconto de 25% nos ingressos da Fundação Serralves, mediante a apresentação do título de transporte CP da CP.

A Fundação de Serralves e a CP estabeleceram uma parceria que permite descontos a quem viajar no Alfa Pendular ou no Intercidades e tenha como destino a cidade do Porto para visitar o museu, a casa ou o parque da Fundação de Serralves.

Os interessados usufruem de descontos até 25% em Alfa Pendular e Intercidades, ao apresentar um bilhete de entrada em Serralves, bem como de um desconto de 25% nos ingressos da Fundação Serralves, mediante a apresentação do título de transporte CP da CP.

Esta parceria pretende “tornar a arte mais acessível a todos portugueses e aos estrangeiros que visitam o nosso país”.

O comunicado diz que “a Fundação de Serralves, das instituições culturais e artísticas mais relevantes nacional e internacionalmente, e a CP estabeleceram uma parceria que permite descontos a quem viajar no Alfa Pendular ou no Intercidades e tenha como destino a cidade do Porto para visitar o museu, a casa ou o parque da Fundação de Serralves”.

A mesma nota acrescenta que “é uma oportunidade que é dada a todos aqueles que optem pelo comboio para se deslocar até ao Porto e que tenham como objetivo visitar as instalações das Fundação de Serralves que comemora este ano 30 anos de existência”.

 

Ler mais
Recomendadas

Três linhas de apoio social na Cultura estão abertas

Esta semana serão ainda divulgadas as condições de acesso aos 8,5 milhões de euros de reforço orçamental do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), retirados do saldo de gerência, também para responder às necessidades dos trabalhadores desta área.

Livro: “Périplo pelos Bares do Mediterrâneo”

Se o expectável seria um rol de museus e locais históricos a visitar, neste livro, Ali Duaji, romancista tunisino de origem turca que também fez da poesia sua casa, preferiu perscrutar os povos mediterrânicos deambulando pelos seus bares.

Trabalhadores da Cultura têm cinco propostas para acabar com precariedade

O caderno de contributos e propostas inclui, por exemplo, o fim dos recibos verdes e a aplicação de contratos de trabalho onde figurem “o tempo de trabalho, a remuneração, os encargos sociais do empregador e os encargos sociais do empregado”.
Comentários