Galp e BCP animam o PSI 20 em dia misto na Europa

Lisboa valoriza, em linha com as praças italiana e francesa. As bolsas britânica e alemã recuam no final de uma a semana que ficou marcada pelo Fórum do BCE em Sintra.

Ler mais

As principais praças europeias negoceiam esta sexta-feira mistas, com a Bolsa de Lisboa entre as que valorizam. O PSI 20 sobe 0,28% para 5.155,60 pontos, com sete cotadas no verde, 10 no vermelho e duas inalteradas.

A impulsionar o índice de referência nacional está a Galp, que avança 0,72% para 13,300 euros por ação, numa altura em que os preços do petróleo registam ganhos ligeiros. O barril de crude WTI avança 0,76% para 45,27 dólares em Nova Iorque, enquanto o de Brent sobe 0,73% para 47,98 dólares, em Londres.

No PSI 20, destacam-se ainda os ganhos do BCP, que sobe 0,69% para 0,235 euros. No retalho, a tendência também é positiva, com as ações da Sonae a subirem 0,62% para 0,973 euros e as da concorrente Jerónimo Martins a ganharem 0,15% para 17,080 euros.

Em sentido contrário, a Mota-Engil cai 0,86% para 2,413 euros, enquanto a Pharol perde 0,33% para 0,301 euros e os CTT desvalorizam 0,27% para 5,554 euros.

Na Europa, o índice italiano FTSE MIB ganha 0,40% e o francês CAC 40 sobe 0,21%. Por outro lado, o índice britânico FTSE 100 recua 0,34% e o alemão DAX desliza 0,12%, a fechar a semana que ficou marcada pelo Fórum de banqueiros centrais, organizado pelo Banco Central Europeu (BCE) em Sintra.

Os mercados esperam hoje a divulgação de dados da inflação em junho, que poderão oferecer pistas sobre os próximos passos do BCE no ajustamento da política monetária europeia.

Relacionadas

Tecnológicas dão tombo a Wall Street

O Nasdaq caiu 1,44% para os 6.144,35 pontos. As tecnológicas FAMAG sofreram fortes quedas. Ao contrário os bancos registaram subidas no Dow Jones (JP Morgan: 1,49% e Goldman Sachs: +0,59%). O sector financeiro celebrou em bolsa a passagem da maioria dos bancos nos testes de stress.

Mota-Engil lidera queda em Lisboa, bolsas da Europa caem

As ações da construtora Mota-Engil fecharam a cair 3,66% para 2,419 euros na sessão de hoje. O mesmo aconteceu em Espanha, onde o IBEX (-1,6%) sofreu com a derrocada das construtoras. O PSI 20 caiu 0,90% e na Europa as quedas foram superiores a 1%.
Recomendadas

Sinal misto em Wall Street com o Nasdaq a estragar o ramalhete

A banca dominou Wall Street. No Dow Jones, o setor financeiro liderou os avanços: JPMorgan (+ 2,9%); Goldman Sachs (+ 2,92%); o Citigroup valorizou 3,31%, e o Bank of America que ganhou 2,58%.

Farfetch aumenta preço da entrada em bolsa para até 19 dólares por ação

Depois de o interesse dos investidores em ações tecnológicas, a Farfetch aumentou o preço das ações em cerca de dois dólares para, entre os 17 e os 19 dólares, avaliando a empresa entre 4,9 e 5,5 mil milhões de dólares.

BCP brilha na bolsa de Lisboa, que acompanha otimismo europeu

As bolsas europeias fecharam em alta puxada por quatro motores: Banca, automóveis, recursos naturais e o setor químico. O BCP lidera subidas do PSI 20.
Comentários