Garrigues assessora Apax na aquisição da GNB Vida

A equipa da Garrigues foi liderada por Mário Lino Dias, com a participação de José de Seabra Marcão e Inês Freire de Andrade.

A Garrigues assessorou a Apax – uma das maiores e mais antigas firmas de private equity a operar a nível internacional, com mais de 30,8 mil milhões de euros em investimentos desde 2005 – na aquisição da GNB Vida, uma das empresas líderes no mercado português de seguros vida.

A Apax entra assim no mercado nacional, com um investimento inicial de 123 milhões de euros, acrescidos de até 125 milhões em função de desempenho. Adquire um dos principais ativos non-core do Grupo Novo Banco e estabelece com este uma parceria de distribuição de seguros, a 20 anos. A Garrigues assessorou a Apax no lançamento, a partir de Portugal, de uma nova plataforma de seguros a nível europeu, com a designação Gama Life.

A equipa da Garrigues foi liderada por Mário Lino Dias, sócio de M&A, com a participação de José de Seabra Marcão e Inês Freire de Andrade. Reforçamos, desta forma, a nossa posição em transações no ramo segurador este ano, após a assessoria ao Banco Santander – na venda de carteiras de seguros à Aegon Santander -, e à Toscafund, no seu investimento na Caravela.

Recomendadas

PremiumAna Gomes: “Fundo de Recuperação é a oportunidade para a União Europeia se reinventar”

Webinar organizado pela Antas da Cunha ECIJA e pelo JE debateu as tensões internas na Europa que travam a integração. Decisão do Tribunal Constitucional alemão centrou as atenções do painel.

Procura-se política fiscal

Porque não ampliar transitoriamente a isenção de IRC para perdões de dívida e dações em pagamento, previstas no CIRE, a operações de reestruturação de dívida fora desse quadro processual, insuficientemente ágil e formal?

CCA escolhe mais um parceiro tecnológico: “Esperamos que gerem elevados ganhos de eficiência”

Jorge Machado, ‘managing director’ da sociedade, explica que “uma das plataformas tem a capacidade de aprender com as rotinas de trabalho do advogado” e, depois, de lhe sugerir “o que fazer com base nessa autoaprendizagem”.
Comentários