Governo admite falta de comboios no verão

O ministério de Pedro Nuno Santos admite que apesar das medidas tomadas na área da manutenção pode existir perturbações no serviço.

O governo admite a possibilidade de existirem falta de comboios no verão, diz o Expresso.

O ministério liderado por Pedro Nuno Santos, admite que apesar das medidas tomadas na área de manutenção podem se verificar perturbações nos serviços, diz o mesmo jornal.

De referir que na passada sexta-feira o Sindicato Ferroviário da Revisão e Comercial Itinerante (SFRCI) suspendeu o pré-aviso de greve marcada para segunda e terça-feira depois de o Governo ter acordado “a contratação de trabalhadores operacionais” e outras áreas necessárias da CP.

O Governo tinha referido, em comunicado, relativamente à suspensão deste pré-aviso de greve, que “está a analisar e desenvolver um conjunto de medidas” para responder às necessidades operacionais e de pessoal da CP.

Recomendadas

Sánchez culpa Podemos e Cidadãos por cenário de novas eleições em Espanha

O líder socialista espanhol, Pedro Sánchez, culpou hoje o líder do Unidas Podemos, Pablo Iglesias, e o líder do Cidadãos, Alberto Rivera, pela falha de uma solução de Governo, que levará a novas eleições gerais em novembro.

Diferenças em relação a Costa “ficaram marcadas no debate”, diz Rio

O líder do PSD, Rui Rio, defendeu hoje que as diferenças entre o programa dos sociais-democratas e o dos socialistas “ficaram muito marcadas” no debate televisivo que teve na segunda-feira com o secretário-geral do PS, António Costa.

Sondagem da Católica dá vitória ao PSD na Madeira mas perde maioria absoluta

Perante estes resultados, a composição da Assembleia Legislativa da Madeira, composta por 47 deputados, o PSD poderá eleger entre 19 a 23 deputados, seguindo-se o PS que poderá dar assento parlamentar entre 14 a 18 deputados.
Comentários