Governo alemão enfrenta défice orçamental de 100 mil milhões até 2023

O Governo alemão registou um superávit orçamental de cerca de 11 mil milhões de euros em 2018, com um forte crescimento económico que impulsionou as receitas fiscais.

O Governo alemão enfrenta um défice orçamental de cerca de 100 mil milhões de euros para os seus planos orçamentais até 2023, revela o “Der Spiegel” esta sexta-feira, de acordo com um artigo de especialistas do grupo parlamentar de conservadores da chanceler Angela Merkel.

O Governo germânico registou um superávit orçamental de cerca de 11 mil milhões de euros no ano passado, com um forte crescimento económico que impulsionou as receitas fiscais.

No entanto, o aumento esperado das despesas com a ajuda ao desenvolvimento, as contribuições da União Europeia e os gastos com a defesa representam um risco orçamental até 2023, uma vez que os mesmos ainda não foram financiados, acrescenta o jornal alemão.

Recomendadas

Nuclear: Empresas donas de Almaraz não se entendem sobre o futuro da central

As proprietárias da central de Almaraz – Endesa, Iberdrola e Naturgy -, voltam a sentar-se hoje à mesa de negociações, no que é o quinto encontro desde novembro entre as três elétricas.

“Queremos comida”, gritam centenas na cidade da Beira após ciclone que atingiu Moçambique

O Idai, com fortes chuvas e ventos de até 170 quilómetros por hora, atingiu a Beira (centro de Moçambique) na quinta-feira à noite, deixando os cerca de 500 mil residentes na quarta maior cidade do país até hoje sem energia.

Presidente executivo do Novo Banco é ouvido hoje no Parlamento

O presidente executivo do Novo Banco é hoje ouvido na Assembleia de República, na Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, no âmbito do requerimento apresentado pelo grupo parlamentar do PSD.
Comentários