Governo espanhol aumenta salário mínimo em 22%

A atualização da remuneração mínima dos trabalhadores para os 900 euros é uma das medidas inscritas no Orçamento do Estado (OE) para 2019, com vista à aprovação no Parlamento, onde o atual governo não tem maioria.

O governo espanhol de Pedro Sánchez chegou a acordo com o Podemos para aumentar em 22% o salário mínimo dos trabalhadores. A atualização da remuneração mínima dos trabalhadores para os 900 euros é uma das medidas inscritas no Orçamento do Estado para 2019, com vista à aprovação no Parlamento, onde o atual governo não tem maioria.

Com esta medida, o salário mínimo dos trabalhadores deve passar dos atuais 735,90 euros para 900 euros já no próximo ano. A atualização corresponde a uma subida de 164,10 e resulta de várias cedências do governo espanhol com o Podemos. Pedro Sánchez defendia uma subida do salário mínimo para os 850 euros, enquanto o partido de Pablo Iglesias exigia mil euros. A solução passa pelo meio termo.

O chefe do executivo espanhol e o líder do Podemos estiveram reunidos esta madrugada para fechar o acordo sobre o Orçamento do Estado para o próximo ano. Entre outras medidas acordadas estão a subida de 3% para as pensões mínimas e não contributivas e a criação de um imposto de 1% sobre fortunas superiores de 10 milhões de euros.

Recomendadas

Ex-presidente da Nissan autorizado a sair da prisão se pagar quatro milhões

Um tribunal de Tóquio anunciou esta quinta-feira ter aceitado a libertação de Carlos Ghosn, acusado pelo Ministério Público de quatro crimes, sob pagamento de caução no valor de quatro milhões de euros.

Microsoft supera previsões de Wall Street com ajuda de computação em nuvem

O lucro líquido subiu a 8,8 mil milhões de dólares, ou 1,15 dólares por ação, que compara com 7,42 mil milhões, ou 0,96 dólares por ação, um ano antes.

Angola é o segundo país africano a receber o Fórum Mundial de Turismo

Sob patrocínio do Presidente Angolano João Lourenço, que será também um dos oradores do evento, a conferência terá lugar em Luanda, capital de Angola. A primeira edição realizada na África aconteceu em Ghana em 2017.
Comentários