Incêndios: Apoios aos agricultores devem ser pagos até final do ano

O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, estimou hoje que sejam apresentadas 20 mil candidaturas para apoios aos agricultores que tiveram prejuízos devido aos incêndios de outubro, que pretende pagar até ao fim do ano.

Em declarações aos jornalistas em Covelinho, no concelho de Oliveira de Frades, Viseu, o governante disse que, até terça-feira, deram entrada “cerca de 16 mil candidaturas, a que está associada uma despesa que será suportada pelo Ministério da Agricultura na ordem dos 46 milhões de euros”.

“É provável que, nos dois dias que faltam, apareçam ainda algumas candidaturas”, acrescentou.

Capoulas Santos comparou estes números aos relativos aos dos incêndios de Pedrógão Grande, ocorridos em junho.

“No caso de Pedrógão, demos apoio a 2.126 agricultores, a que correspondeu um apoio de 4,3 milhões de euros. Estamos aqui perante uma situação que significa dez vezes aquilo que aconteceu em Pedrógão, o que nos permite ver a dimensão desta enorme tragédia que nos atingiu a 15 e 16 de outubro”, frisou.

Segundo o ministro, “o objetivo é pagar todos estes apoios antes do fim do ano”.

“Estamos a fazer um esforço sobre-humano para ver se conseguimos pagar até ao Natal”, realçou.

Ler mais
Recomendadas

Alívio do IRS é única promessa feita por todos

Todos os partidos defendem menos IRS para rendimentos médios e baixos. Noutros impostos há reduções para todos os gostos e más notícias paraos mais ricos. Mas esquerda e direita chegam a ter propostas semelhantes.

PremiumFisco avança com execuções a 500 advogados com dívidas à Ordem

Advogados que tenham quotas em atraso e não pagarem voluntariamente podem ser alvo de ações executivas. Já foram formalizadas 500 execuções fiscais junto da AT nas duas mil interpelações feitas pela Ordem.

Investimento chinês captado por vistos gold cai 16% até agosto e o de origem brasileira sobe 41%

O investimento por via de Autorizações de Residência para Atividade de Investimento subiu 80,6% em agosto, face a igual período de 2018, para 82,5 milhões de euros.
Comentários