Inflação em Espanha sobe para 2,3% em abril

O Índice de Preços no Consumidor (IPC) espanhol aumentou em junho 2,3%, em relação a um ano antes, e mais duas décimas do que em maio (2,1%), explicado pelo aumento dos preços dos combustíveis e da fruta e legumes.

Espanha

A informação publicada esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) espanhol confirma o valor avançado há duas semanas e significa a subida anual dos preços mais elevada desde abril do ano passado e uma inflação positiva há 22 meses consecutivos.

A inflação subjacente – sem choques temporários, como o preço do petróleo e dos bens alimentares não transformados – diminuiu uma décima, para 1,0%, ficando 1,1 pontos percentuais abaixo do aumento do IPC (2,1%).

O IPC mede o custo médio de um ‘cabaz’ de bens e serviços representativo do consumo final das famílias.espanha

Recomendadas

Wall Street fecha mista em dia de Farfetch

O Dow Jones fechou em alta em contra-mão com os Nasdaq e S&P. A estreia de bolsa da Farfetch é um dos destaques em Wall Street, tendo a procura levado a uma subida do preço da ação face ao preço da colocação no IPO (oferta pública inicial).

Farfetch vale 7,02 mil milhões de dólares em bolsa

No lançamento do IPO, as ações da empresa valiam 20 dólares (17,03 euros), mas no final da sessão fecharam com uma cotação de 28,5 dólares. Ao fecho da sessão, a Farfetch tinha uma capitalização bolsista de 7,02 mil milhões de dólares (6,13 mil milhões de euros).

Bolsa de Lisboa fecha em terreno negativo em contra-ciclo com a Europa

A família Sonae, a Mota-Engil e a Pharol estragaram a sessão da bolsa lisboeta ao registarem quedas acima de 3%. A maioria das praças europeias encerrou em alta, com os índices ibéricos a registarem performances inferiores aos pares. O Euro Stoxx 50 registou a décima sessão consecutiva de valorização.
Comentários