INL abre candidaturas para apoiar empresas de biotecnologia do Norte e Galiza

O Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia é a entidade promotora deste projeto que pretende aumentar a competitividade e a inovação das empresas dos dois lados da fronteira.

O Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL) tem a decorrer até ao dia 18 de janeiro as candidaturas ao programa CT-BIO, que pretende apoiar as pequenas e médias empresas da área da biotecnologia do norte de Portugal e da Galiza. No total, o projeto tem um orçamento de 1,8 milhões de euros para ajudar a criar um cluster biotecnológico.

O CT-BIO é um programa transfronteiriço que conta com seis parceiros: o INL; a Universidade do Minho; a Associação Portuguesa de BioIndústrias; o Cluster Tecnológico Empresarial de las Ciencias de la Vida (BIOGA); Consórcio da Zona Franca de Vigo e a Universidade de Santiago de Compostela.

O INL é a entidade promotora deste projeto que pretende aumentar a competitividade e a inovação das empresas dos dois lados da fronteira.

Este programa vai permitir às PME seleccionadas beneficiarem dos diversos apoios previstos no programa e que incluem a participação num programa de aceleração, acesso a ‘coaching’ na área da biotecnologia, apoio no acesso a financiamento (nomeadamente, através da realização de reuniões com potenciais investidores); acesso a programas de incubação relevantes nos dois lados da fronteira, entre outros apoios.

Podem candidatar-se a este as pequenas e médias empresas que estejam localizadas no norte de Portugal e da Galiza, sendo que os projectos apresentados deverão também ser desenvolvidos e implementados nestas regiões. Além disso, os projetos deverão estar relacionados com a área de biotecnologia e as empresas devem fornecer informação o mais detalhada possível de forma a mostrar os benefícios que poderão obter com as ações previstas no programa CT-BIO.

PCGuia
Ler mais
Recomendadas

Transportes públicos no Médio Tejo com reduções de pelo menos 40%

A redução vai abranger não só os transportes públicos dentro da região, mas também na ligação a regiões vizinhas (Lezíria, Leiria, Coimbra e Beira Baixa) e os que são usados nas ligações pendulares a Lisboa, incidindo nos passes normais e jovens.

Banco Montepio inaugurou em Abraveses o primeiro balcão de proximidade

Com esta abertura, o Banco inicia a criação de uma rede de balcões de proximidade e conveniência, em zonas menos urbanas, para servir populações que em muitos casos não têm acesso a quaisquer serviços bancários. Depois da abertura de Abraveses, e até ao final de maio, serão inaugurados os balcões de Avanca (Estarreja), Pedras Salgadas (Vila Pouca de Aguiar), Fão (Esposende), Ferro (Covilhã), Ferreira do Alentejo e Oiã (Oliveira do Bairro).

Novo Banco lança abertura de conta através da Chave Móvel Digital

Acedendo ao site novobanco.pt, qualquer cidadão com acesso à chave móvel digital poderá, em casa ou em qualquer outro local, usar este novo processo de abertura de conta.
Comentários