Isabel dos Santos contrata advogados de Megan Markle e Cristiano Ronaldo

A Schilling Partners passa a ter a empresária angola na sua lista de clientes onde constam nomes como o do jogador português, do casal Harry e Megan Markle e até o ex-ciclista norte-americano Lance Armstrong.

DR AFP/Getty Images

Isabel dos Santos contratou o escritório de advogados Schilling Partners após ter anunciado que irá processar o consórcio de jornalistas que divulgaram os documentos do processo Luanda Leaks, que teve início com as informações recolhidas pelo hacker português Rui Pinto, de acordo com a revista “Visão”.

A Schilling Partners passa a ter a empresária angolana na sua lista de clientes onde constam nomes como o de Cristiano Ronaldo, do casal Harry e Megan Markle e até o ex-ciclista norte-americano Lance Armstrong.

Isabel dos Santos fez questão de referir através da sua conta da rede social Twitter, que os 715 mil documentos que estão na origem do Luanda Leaks foram “obtidos criminosamente através de hacking”, apenas com o intuito de “criar uma falsa narrativa” à volta da sua ascensão empresarial.

Este escritório de advogados já foi utilizado pelo jogador português no caso do Football Leaks, divulgado pelo hacker português Rui Pinto, que levaram a justiça norte-americana a reabrir o caso contra o jogador da Juventus pela alegada violação à modelo Kathryn Mayorga.

Em relação a Harry e Meghan Markle, o casal recorreu à sociedade de advogados num caso que moveu contra os papparazzi que venderam fotos suas e do filho do casal Archie numa caminhada no Canadá.

Ler mais
Recomendadas

PremiumNuno Faria: “Negócios entre Portugal e Irão estão em ponto morto”

O advogado Nuno Pinto Coelho de Faria realça que a escalada das tensões no Médio Oriente travou contactos “muitíssimo evoluídos” no setor farmacêutico.

EY: “Temos outras aquisições no radar”

A EY integrou em janeiro uma nova equipa de consultoria SAP, que veio da empresa britânica AgilityWorks, comprada pela consultora no final de 2019.

Premium“Quebra-cabeças” jurídico na solução para a Galp

Não será fácil proceder a uma eventual integração da participação acionista da sociedade Exem na posição detida indiretamente pela Sonangol na Galp. Juristas contactados pelo JE reconhecem a complexidade desta questão.
Comentários