Já conhece? Estas são as novas notas de 100 e 200 (mas ainda não entraram em circulação)

O Banco Central Europeu (BCE) apresentou hoje as novas notas de 100 e 200 euros da série Europa que entram em circulação em 28 de maio de 2019.

Reuters

O Banco Central Europeu (BCE) apresentou hoje as novas notas de 100 e 200 euros da série Europa que entram em circulação em 28 de maio de 2019.

“As novas notas de 100 e 200 euros têm dimensões diferentes das notas de 100 e 200 da primeira série. A largura destas duas denominações é igual à da nota de 50 euros. O comprimento permanece, contudo, inalterado – quanto maior é o comprimento, mais elevado o valor da nota”, refere um comunicado divulgado pelo Banco de Portugal.

De acordo com a mesma descrição, as novas notas podem “ser tratadas e processadas com mais facilidade pelas máquinas e cabem melhor nas carteiras de quem as utiliza e têm maior durabilidade, visto que estarão sujeitas a menor desgaste e deterioração”.

Relacionadas

Novas notas de 100 e 200 euros começam a circular em maio

Como o BCE decidiu deixar de fazer notas de 500 euros a partir de finais deste ano e já não as inclui na série Europa, as novas notas de 100 e 200 euros são as últimas desta série.
Recomendadas

Produzir biocombustíveis pode afetar biodiversidade tanto como alterações climáticas

“Descobrimos que a combinação das alterações climáticas com a expansão em larga escala das culturas para biocombustíveis ameaçam cerca de 36% dos habitats de todas as espécies de vertebrados, incluindo muitas que já hoje estão sujeitas a um trabalho importante de conservação”, disse Stephen Willis, da Universidade de Durham.

Bombeiros: 95% das corporações do distrito de Lisboa deixaram de informar CDOS

O presidente da federação, António Carvalho, disse à Agência Lusa que apenas três das 56 corporações de bombeiros voluntários estão a informar o CDOS de Lisboa.

Governo vai fazer estudo sobre nova linha férrea no Vale do Sousa

O secretário de Estado discursava para algumas centenas de pessoas que hoje assistiram em Rebordosa, Paredes, à apresentação de um estudo preliminar para a construção de uma linha de caminho de ferro que ligue Valongo a Felgueiras, passando pelos concelhos de Paredes, Paços de Ferreira e Lousada.
Comentários