JE editors Talks: “Economia digital: oportunidades e desafios no ensino do Direito”

Uma conversa sobre o futuro do ensino de Direito num contexto pós-pandémico – as mais-valias do blended learning e a oportunidade de inovação e globalização – para assistir já no dia 27 de maio, às 15h.

 

Numa altura em que a crise gerada pelo novo coronavírus obriga instituições e empresas a repensar o seu modelo de trabalho e a reforçar a componente digital, surge cada vez mais em discussão o termo “blended learning” que, no fundo, sustenta que o ensino se pode repartir entre aulas físicas e aulas à distância.

O ensino digital não é uma novidade, mas tornou-se em poucas semanas a única alternativa possível. Se por um lado, há quem veja na pandemia o fim de uma era, há quem a reconheça como uma oportunidade para adaptar metodologias e, por arrasto, o sistema de ensino.

É neste sentido que no próximo dia 27 de maio às 15h discutimos a reação, a adaptação e a aprendizagem que esta pandemia obrigou as instituições de ensino a concretizar. Olhamos para o próximo ano letivo e tentamos perceber como se torna uma crise numa oportunidade.

À conversa estarão Jorge Pereira da Silva, Diretor da Escola de Lisboa da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa e Gonçalo Saraiva Matias, Diretor da Católica Global School of Law. Será também uma oportunidade para perceber que implicações estes novos hábitos terão na oferta, nos conteúdos e nos programas de Direito e, por associação, nos números da empregabilidade do setor e na globalização do ensino do Direito.

Poderá assistir a esta, como todas as JE editors Talks, no Facebook e no site d’O Jornal Económico.

 

Este conteúdo foi produzido em colaboração com a Escola de Lisboa da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa com a Católica Global School of Law.

Ler mais
Recomendadas

Marques Mendes: Governo está a demorar muito tempo a decidir sobre a TAP

O comentador político diz que a solução para a TAP no imediato vai passar por um empréstimo público ou um empréstimo privado com garantia de Estado, apontando que o Estado não vai integrar a Comissão Executiva, mas que os “poderes do Conselho de Administração serão reforçados”.

Luxair retoma voos para Faro com clientes luxemburgueses para hotéis do Grupo NAU

Cerca de 70 turistas do Luxemburgo ficaram alojados no o São Rafael Atlântico e o Salgados Dunas Suites, reabriram hoje, dia 31 de maio, as suas portas, e vão permanecer entre sete e 14 noites.

Centros comerciais vão reabrir amanhã à exceção da Área Metropolitana de Lisboa

Dos 94 centros comerciais associados da APCC, 35 são na Área Metropolitana de Lisboa, representando cerca de 50% do emprego deste subsetor de atividade.
Comentários