Licenciado em Engenharia, Economia, Gestão, Contabilidade, Arquitetura ou RH? Mota-Engil procura 110 ‘trainees’

A 7ª edição do seu Programa de Trainees visa integrar jovens, durante um ano, em países como Portugal, Irlanda, Peru, Brasil, México, Costa do Marfim, Uganda, Ruanda, Angola, Moçambique ou Malawi.

Mario Proenca/Bloomberg

A Mota-Engil lançou a 7ª edição do seu Programa de Trainees [Start@ME], definida para integrar 110 jovens licenciados ou com mestrado, durante 1 ano, em países como Portugal, Irlanda, Peru, Brasil, México, Costa do Marfim, Uganda, Ruanda, Angola, Moçambique ou Malawi.

As candidaturas estão a decorrer e a construtora pretende incluir talentos em início de carreira nas operações do grupo, oferecendo também a oportunidade de desenvolverem carreira. “A Mota-Engil valoriza candidatos com uma atitude de dinamismo e proatividade, sólidos conhecimentos de inglês e disponibilidade para a mobilidade internacional”, refere a empresa.

No entanto, os candidatos a trainee devem ter uma licenciatura e/ou mestrado em Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia de Minas, Engenharia Geotécnica e Geoambiente, Engenharia Geológica, Engenharia do Ambiente, Engenharia e Gestão Industrial, Engenharia Topográfica, Economia/Gestão, Contabilidade, Arquitetura ou Recursos Humanos.

“Os trainees beneficiarão de uma experiência de trabalho no terreno e ainda de um plano de formação em sala, complementado com um programa de mentoring com profissionais seniores do grupo”, garante a Mota-Engil, que conta actualmente com cerca de 28 mil colaboradores entre os 28 países nos quais opera.

 

 

Ler mais
Recomendadas

Já escolheu uma entidade para ‘doar’ 0,5% do seu IRS? Há 4 mil candidatos

Contribuintes com direito ao IRS automático deverão indicar até 31 de março qual a entidade ou instituição particular de solidariedade social que pretendem ajudar.

Um dos melhores restaurantes de praia da Europa fica em Portugal

A lista foi elaborada por escritores de viagens do jornal britânico ”The Guardian” que caracteriza o local como sendo ”perfeito para almoços longos ou noites românticas”. Restaurante português figura entre restaurantes na Grécia, Espanha ou Itália.

Adicional ao IMI: Herdeiros têm até ao final do mês para escapar ao imposto

O prazo para os responsáveis das heranças indivisas comunicarem ao Fisco como querem que seja feita a liquidação do Adicional ao IMI termina na próxima semana. A opção é importante porque pode significar não pagar nada.
Comentários